Denunciados por “proxenetismo”

Revista Catolicismo

Todos os dias, grandes jornais espanhóis -o socialista “El País”, o centrista “El Mundo”, o monarquista “ABC”, o regionalista catalão “La Vanguardia” -publicam páginas inteiras de anúncios para as formas mais perversas de prostituição. Protestos católicos, de organizações pró-vida e de conservadores denunciam esses “jornais-proxenetas”. A polícia desmantelou uma rede de proxenetismo que explorava 350 mulheres, procurando clientes por meio dessa propaganda na imprensa. A ONG de prostitutas Hetaira defende os jornais, que cinicamente “lavam as mãos” como Pilatos, afirmando: “Não é nosso dever dar lições de moral”.

Para lembrar: o PNDH-3 quer legalizar a prostituição e ensinar nas escolas que é uma profissão como outra qualquer. (Saiba mais)