FUNAI e fábrica de índios

Um novo latifúndio indígena

A Confederação Nacional da Agricultura acaba de pedir o apoio do governo do Maranhão para evitar a ampliação da reserva indígena Governador, localizada a 835 km de São Luís.

A CNA argumentou que o aumento da área previsto nas portarias 677/08 e 1437/10, da FUNAI, afetaria 2 mil propriedades rurais, consolidadas antes da promulgação da Constituição/88.

A reserva de 42 mil hectares – com a expansão prevista nas portarias, passaria para 200 mil hectares – obrigaria a retirada de diversas famílias de produtores rurais que vivem no local.

A governadora Roseana Sarney ficou de incluir o tema na pauta do encontro que ela terá com uma comissão técnica do Ministério da Justiça.

Para o vice-presidente da CNA, Fabio Meirelles Filho, esta questão deve ser resolvida logo, pois muitos produtores estão inseguros para investir em suas terras.

Fonte: www.paznocampo.org.br