1308xx protestos médicos brasileiros 04

Os médicos cubanos favorecidos pelo programa “Maus Médicos” do governo federal — como já vem sendo chamado — ocuparão lugares de médicos brasileiros.

Estes últimos serão dispensados por algumas prefeituras para as quais os cubanos ficarão mais baratos, pois além de se dispensarem de pagar salários mais elevados a profissionais brasileiros, a bolsa de 10 mil [cuja quase totalidade irá para o regime comunista de Cuba!] será totalmente custeada pela União.

A informação provém de correspondentes da “Folha de S. Paulo” (30-08- 2013) de Manaus, Fortaleza, Salvador e Recife, que já detectaram 11 prefeituras decididas a tomar essa decisão.

O finado Hugo Chávez com Raul Castro, Evo Morales e Lula da Silva: medicina cubana não salvou o venezuelano e quase matou Fidel
O finado Hugo Chávez com Raul Castro, Evo Morales e Lula da Silva:
medicina cubana não salvou o venezuelano e quase matou Fidel

As referidas prefeituras só não consideraram — comentamos nós — a qualidade dos serviços oferecidos, além dos riscos de contaminação ideológica a que estarão sujeitos os pacientes.

Deve-se com toda razão recear que depois dos médicos cubanos poderá ser a vez dos professores, cuja atuação seria ainda mais perniciosa que a dos primeiros.

Mas, infelizmente, do ponto de vista físico, eles talvez estejam mais bem preparados para lidar com alunos “da pesada”, que agridem e ameaçam de morte seus professores, muito influenciados como estão pela contracultura que o petismo vem inoculando no Brasil.

Engana-se quem supuser que se favorece somente a Cuba miserável. Dois ministros do governo brasileiro estiveram recentemente na China, em tratativas para que aquele regime comunista invista em projetos de infraestrutura em nosso País.

Ou seja, analogamente ao que vem sucedendo com os médicos cubanos, é possível que os empresários brasileiros sejam preteridos em benefício do governo escravagista chinês, que nas licitações poderá oferecer lances muito superiores aos dos nacionais e assim suplantá-los.

Dissidente cubana Yoani Sánchez: já experimentou a "medicina" cubana
Dissidente cubana Yoani Sánchez: já experimentou a “medicina” cubana

O oferecimento da cabeça do ministro das Relações Exteriores e do valoroso diplomata Eduardo Sabóia — que arriscou sua vida para livrar o senador boliviano Roger Pinto Molina da perseguição de Evo Morales — parece não ter sido suficiente para aplacar a cólera do “deus” do Altiplano.

Como a cunhada do infanticida Herodes, que exigiu deste a cabeça de João Batista como mostra de seu amor por ela, Evo pede agora a Dilma, como prova de sua lealdade ao bolivarianismo, a cabeça não de um Profeta, mas de seu opositor trânsfuga — trânsfuga que os nascituros brasileiros bem gostariam de poder imitar…

Por isso, a imprensa noticia que o senador libertado está agora cogitando em pedir asilo a outro país, pois não se sente seguro no Brasil.

Aliás, o governo de Evo Morales — que o acusa de corrupção e que já acionou a Interpol para prendê-lo — deveria ter dado o próprio endereço do palácio presidencial da Plaza Murillo para a captura, pois seu governo está de há muito atolado até o pescoço não somente na corrupção, mas também em pesados crimes ligados à mesma e noticiados pela imprensa boliviana.

Não corrompam nossas crianças através da “Ideologia de Gênero”

A Ação Jovem do IPCO está promovendo uma campanha nacional de abaixo-assinados que serão enviados para o Presidente Michel Temer pedindo a exclusão da satânica "Ideologia de Gênero" da Base Nacional Comum Curricular - BNCC.

Clique aqui e assine já!

 

4 COMENTÁRIOS

  1. E o Lula andava dizendo que a medicina cubana é a melhor do mundo. Então é óbvio que nunca ouviu falar da medicina israelita… Ah… havia me esquecido… ele não se dá bem com os judeus… pois judeu é trabalhador e pesquisador de verdade! Não se intimida diante de nada… e confiram as maiores descobertas de onde vieram: dos JUDEUS.

     
  2. Peço a atenção de todos. Na verdade, o governo Dilma está vencendo toda a oposição sobre os tais médicos cubanos, usando para isso a estratégia da Dialética Hegeliana: Passo 1) o anúncio de algo não aceitável pelo raciocínio normal (a vinda desses médicos). Esta é a Tese; b)seguiu-se à Tese, a reação das pessoas de bem (rejeitando a projeto do governo). Esta é a Antítese. No presente estamos vendo as duas ideias em luta uma contra a outra. Mas vai chegar o momento em que ninguém mais falará no assunto. O governo vencerá os oposicionistas.

    Só resta à oposição continuar resistindo,mas as chances são poucas para impedir o projeto do governo, a não ser no Judiciário. .

     
  3. A imprensa noticia que o Senador boliviano pensa em pedir asilo noutra embaixada, pois, não se sente seguro no Brasil!
    JÁ DEVIA TER FEITO ISTO A MUITO TEMPO! Que garantia
    ele tem num pais que transforma sua embaixada em Honduras num
    QG de um presidente democraticamente deposto e depois
    transforma sua embaixada na Bolívia num cárcere?
    Que garantia ele tem num pais cuja política externa
    tem origem num hospício?

     
  4. Antes de mais nada quero apenas comentar, e não como pessoa individual e sim na visão de sociólogo, isento, portanto de posições pessoais ou doutrinárias, até mesmo para não ser prolixo com o óbvio.

    Com uma analise crítica e pesquisa através das informações fornecidas como um todo, algo me chamou à atenção, um detalhe que corrobora e reforça as posições do que representa a vinda destes médicos, me refiro unicamente aos cubanos;

    Na sua totalidade o perfil destas pessoas são compostas por pessoas acima dos 35 anos de idade, que já participaram de outros “convênios” e forma escolhidos a “dedo”, comprometidos com a causa da revolução e defensores do regime comunistas, os jovens formados não virão, pois poderão aumentar o índice de deserção, fuga e solicitação de refúgio em alguma embaixada, principalmente EEUU, estes fatos ocorreram na Bolívia e Venezuela. Os jovens que não participaram da revolução desejam mudanças e liberdade e quando descobrem que existe um mundo do qual não conhecem, não pensam duas vezes. Aos que aqui chegam, são “zumbis”, creem ainda ser o socialismo e comunismo como forma de governo, já estão com lavagem cerebral “Ser socialista e comunista na juventude é ideologia, continuar sendo na velhice é burrice”.

    Permanecerem em outro País seguindo a doutrina , leis, e comportamentos de expatriados por si só já é uma aberração e crime, suficiente para serem deportados, devem seguir as leis do país do qual estão presentes. O MP e nossa corte tem que se manifestar a respeito. Trata-se de mão de obra escrava, na atualidade este tipo de “produto” comercializado por Cuba corresponde a mais de 50% das receitas.

    Com relação à China, se trata de um país comunista, mas entendeu as regras globais do mercado capitalismo do livre comércio entre as Nações e não Estados, Na China o Estado é interventor e logo irão superar os EEUU. Deveremos nos preocupar quando sua taxa de crescimento cair, será um efeito dominó em toda a economia mundial, o Brasil com sua política e devo a atual gestão, vai continuar sendo terceiro mundista, esta de emergente é apenas o politicamente correto, é caso das favelas que continuam sendo favelas, mas é melhor chamar de comunidade.

     

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome