“A partir de outubro, 10.000 repórteres e editores serão submetidos a um “teste piloto” antes da realização dos exames nacionais de jornalismo, e as carteiras de imprensa serão emitidas apenas para aqueles que obtiverem sucesso no teste de lealdade ao governo chinês. Saber de cor as citações do presidente Xi Jinping é um dos critérios.

                  Imagine o leitor se nos EUA ou Brasil … Mas Xi Jinping pode

Continua a notícia: “Como já é o caso na maioria das grandes empresas estatais, os jornalistas oficiais das mídias oficiais não são exceção: é preciso conhecer as citações do presidente chinês para avançar em sua carreira. De acordo com o jornal South China Morning Post, os “testes de lealdade” no aplicativo móvel Xuexi Qiangguo, uma espécie de “livrinho vermelho” digital dedicado ao pensamento de Xi Jinping, devem ser aplicados inicialmente em 14 organizações de notícias on-line e cerca de 10.000 jornalistas em Pequim.

Por quê razão a midia internacional não protesta a favor de liberdade de imprensa?

“Das cinco áreas do “teste em socialismo com características chinesas” reservadas para a mídia, pelo menos duas serão dedicadas ao pensamento político do chefe de Estado, e uma ao marxismo”.


Dispensa comentário ou análise. Hitler também elaborou os 10 mandamentos do Nazismo que incluia: “O Führer tem sempre razão”. Confere com Xi.

Fonte: https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/rfi/2019/09/20/governo-chines-exige-lealdade-de-jornalistas-ao-regime-para-emitir-credenciais-de-imprensa.htm

Deixe uma resposta