Destaques

1 – PROJETO VISA PERMITIR O PORTE DE ARMAS NO CAMPO
2 – FARC NÃO RENUNCIA SEUS PRINCÍPIOS REVOLUCIONÁRIOS
3 – RUSSIA FAZ MANOBRAS MILITARES – AS MAIORES PÓS GUERRA FRIA
4 – TV COLOMBIANA PROIBIDA NA VENEZUELA

Para alternar entre os tópicos, utilize os botões “Anterior” e “Próximo” abaixo:

1PROJETO VISA PERMITIR O PORTE DE ARMAS NO CAMPO

“FSP” – 30 de agosto de 2017

O presidente da Comissão de Agricultura da Câmara Legislativa – em Brasília – avisou aos aliados que vai pautar, nos próximos dias, um projeto de lei que disciplina o porte de arma de fogo nas propriedades rurais.

A proposta visa liberar o porte de arma para trabalhadores rurais ou donos de áreas no campo – maiores de 25 anos – prevendo o uso nos limites da propriedade com o objetivo de proporcionar a indispensável proteção pessoal e patrimonial.

2FARC NÃO RENUNCIA SEUS PRINCÍPIOS REVOLUCIONÁRIOS

OESP 28 agosto e FSP 31 agosto de 2017

Milhares de guerrilheiros das FARCs – movimento terrorista colombiano – iniciaram, no dia 1º. do corrente, um congresso com objetivo de definir a plataforma sobre a qual lançarão seu partido político para as eleições de 2018.

Chegando em ônibus escoltados por motos e carros da policia, milhares de guerrilheiros, vestindo camisetas brancas com a psy mensagem: “por um governo de transição para a reconciliação e a paz”, os guerrilheiros dirigiram-se ao local do encontro em Bogotá.

O líder dos guerrilheiros, Timochenko, em discurso nessa ocasião, afirmou que “nos transformaremos, a partir deste evento, em uma nova organização, exclusivamente política”, assegurando entretanto que o grupo não renunciará a seus princípios revolucionários …

É preciso lembrar que as FARCs deixaram, ao longo de sua existência – desde 1964, quando foi fundada – um rastro sangrento: mais de 260 mil mortos, cerca de 60 mil desaparecidos e pelo menos 7,1 milhões de “desplazados”.

3RUSSIA FAZ MANOBRAS MILITARES – AS MAIORES PÓS GUERRA FRIA

“FSP” – 26 agosto de 2017

Dentro de alguns dias, a Rússia começará exercícios militares – sobretudo na Belarus, país onde ocorrerão as principais simulações – que terá o nome em russo de “Zapad”, ou seja, “Ocidente”.

Os países da fronteira oriental da NATO estão em estado de alerta, sobretudo a Polônia e a Lituânia. Essas nações dizem temer que as manobras sejam o prenuncio de ações contra a Ucrânia e os Estados Bálticos, prevendo a participação de até 100 mil soldados.

4TV COLOMBIANA PROIBIDA NA VENEZUELA

OESP 25 de agosto de 2017

Por ordem do ditador Nicolas Maduro, foi cortado, na Venezuela, o sinal da emissora colombiana Caracol. Segundo o ditador, há uma “campanha terrível contra seu governo” promovida diretamente pelos meios de comunicação social colombianos.