A Nota do Itamaraty apoiando a luta contra o terrorismo, mostra mais uma vez o acerto da nossa diplomacia, desvinculada da ideologia petista.

Diz a Nota:

“Ao tomar conhecimento das ações conduzidas pelos EUA nos últimos dias no Iraque, o Governo brasileiro manifesta seu apoio à luta contra o flagelo do terrorismo e reitera que essa luta requer a cooperação de toda a comunidade internacional sem que se busque qualquer justificativa ou relativização para o terrorismo”, disse o Ministério das Relações Exteriores em nota”.

“O Brasil está igualmente pronto a participar de esforços internacionais que contribuam para evitar uma escalada de conflitos neste momento.

“O terrorismo não pode ser considerado um problema restrito ao Oriente Médio e aos países desenvolvidos, e o Brasil não pode permanecer indiferente a essa ameaça, que afeta inclusive a América do Sul.

 

A Nota do Itamaraty — por contraste — põe em evidência a omissão (cumplicidade) da Rússia, China e Macron

 

Com efeito, a Nota do Itamaraty condena o terrorismo, um problema global. Os pronunciamentos da Rússia, China e de Macron se omitem escandalosamente de condenarem o terrorismo. E ainda tem gente ingênua acreditando na sinceridade de Xi Jinping, Putin e Macron. https://ipco.org.br/pingo-nos-is-china-russia-e-macron-se-omitem-de-condenar-o-terrorismo/

Continua nossa Chancelaria:

“O Brasil condena igualmente os ataques à Embaixada dos EUA em Bagdá, ocorridos nos últimos dias, e apela ao respeito da Convenção de Viena e à integridade dos agentes diplomáticos norte-americanos reconhecidos pelo governo do Iraque presentes naquele país”.

Fonte: http://www.itamaraty.gov.br/pt-BR/notas-a-imprensa/21184-acontecimentos-no-iraque-e-luta-contra-o-terrorismo

Deixe uma resposta