Plinio_TVCapital“Dignum et justum est, aequum et salutare”

 

Assim rezavam as palavras milenares da liturgia católica: é coisa digna e justa, equitativa e salutar, prestar honra a quem a merece.

Eis porque homenageamos a Plinio Corrêa de Oliveira recordando o seu nascimento naquele 13 de dezembro de 1908 e tendo completado seu percurso entregou sua alma a Deus em 3 de outubro de 1995.

Percurso na qual se distinguiu na defesa altaneira, leal, vigorosa e nobre dos mais altos valores da Cristandade, dos direitos da Santa Igreja Católica, Apostólica e Romana, bem como, do Papado na consideração da primazia de Deus sobre todas as coisas.

Não o reverenciaríamos devidamente se não mencionássemos uma característica fundamental: sua excepcional devoção à Santíssima Virgem Maria sob cuja proteção e cuidado se lançou às mais terríveis batalhas contra o pior inimigo da Civilização Cristã que é a Revolução.

Nesse embate não temeu a derrota, permanecendo sereno e confiante da vitória. Pois a certeza da vitória provinha de mais alto, da realização da promessa que Nossa Senhora fez em Fátima de que “Por fim, o Meu Imaculado Coração triunfará”.

10 COMENTÁRIOS

  1. E comentarista que só viu exagero sumiu, também depois da interpelação que recebeu de Silveira Viana… era só mesmo isso que podia fazer. Eu evitei de citar o nome dele porque já disse Dante na Divina Comédia sobre este tipo de gente… olha-se e passa.

  2. MARCOS,

    Fanatísmo? Talvez o fanático seja quem afirma algo sem provar nada e estadeia na fixidez de sua mera impressão. Para me contradizer peço que digas o que conheces de Plinio Corrêa de Oliveira? Que livros leste, que ações viste ele praticar? Sabes que há inúmeros dignatários da Santa Igreja que o elogiaram, recebeu altíssima carta de louvor, em nome de Pio XII, assinada pelo Substituto da Secretaria de Estado da Santa Sé, Mons. João Baptista Montini, posteriormente Papa Paulo VI? Se alguém que tanto fez pela Igreja Católica e pela Civilização Cristão não merece esta pequena homenagem, talvez seja porque você considere que fez mais. Poderia dizer-me o que de bom fez para que eu possa sugerir que se crie uma homenagem para você também. Leia o conteúdo do site que publica as obras Plinio Corrêa de Oliveira e depois responda-me se você fez mais. O link é este: http://www.pliniocorreadeoliveira.info/apresentacao.asp#.VJDR5yvF_T8

  3. Um comentarista das homenagens feitas ao Dr. Plínio só viu exageros ? Será que ele poderia explicar a nós outros qual a diferença entre Homenagem e devoção? Fica ele com a palavra… Aguardamos ávidos sua santa sabedoria a nos tirar dos exageros… ! Toda homenagem corre este risco?

  4. Não é um pouco exagerado todos essa devoção ao Dr Plinio?
    Ele é um Santo? Está sendo canonizado? Ele deve ter sido uma Pessoa muito boa.
    Mas dizer que deve estar num lugar mais altos que os santos,talvez seja fanatismo. OK?

    • Que falta de conhecimento de causa,para falar uma asneira dessa,sem consistência doutrinária.Acompanho a TFP com lente de aumento há 40 anos,nunca vi ninguém falar que Dr Plínio está acima dos Santos,pura má fé,mal espírito de católico inautêntico de falsa piedade.

  5. Uno-me às homenagens à Dr. Plínio recordando um de seus livros que considero um

    TESOURO ESCONDIDO
    I
    Tanta Sabedoria assim , quanta ciência!
    Deste nobre autor para bem escrever,
    com suma exatidão PRIMEVA INOCÊNCIA:
    livro a se estudar e não só par ler.
    II
    Que tesouro a brilhar ante a escuridão,
    donde vem esta luz e qual sua trajetória?
    Desta escola a ensina, pela CONTEMPLAÇÃO
    SACRAL DO UNIVERSO, em páginas da História?
    III
    Como agradecer esta publicação,
    a quem fez, publicou, à Nobre Comissão?
    Ou melhor transcender, qual Imperial Palmeira.
    IV
    À Mãe de Deus, então, a nossa gratidão.
    ao nosso Fundador, toda admiração,
    ó Florão que sois: Plínio Corrêa de Oliveira.

  6. Minha humilde homenagem ao homem mais completo que conheci: foi para mim, além de pai e amigo, “O” guia, O mestre, O exemplo, um sábio, o espírito mais reto que já vi na vida, um profeta, porque ele via tudo, muito além de seu tempo. Um dia a História haverá de o reverenciar e de o por em um dos lugares mais altos, daqueles reservados aos heróis e santos.

  7. Olhar sereno que exprime bondade, lógica e a certeza de ter lutado pela Cristandade. Esse é Plínio Correa de Oliveira, um dos maiores brasileiros de todos os tempos, conhecer seu legado é uma honra e um privilégio.

    Tendo deixado o exemplo da devoção à Nossa Senhora para os seus filhos espirituais, e também a devoção à Sagrada Eucaristia e a obediência filial ao Papado.Que ele rogue à Nossa Senhora pela continuidade de sua obra.

  8. “Não temeu a derrota, permanecendo sereno e confiante na vitória”. Derrota ? Isso era uma coisa que estava completamente fora de suas perspectivas. Qualquer um que se pusesse às suas ordens poderá testemunhar nesse sentido.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here