Raposa/Serra do Sol une roraimenses…

… contra política indigenista
OESP publicou hoje matéria afirmando que a viagem do Presidente a Roraima encontrou todos os seus habitantes unidos contra a demagógica expulsão dos plantadores de arroz para dar lugar a um imenso território indígena.
Com efeito, todos sentiram o efeito da queda de produção e da falta de trabalho. Inclusive os considerados “favorecidos”. Seus meios de sobrevivência escassearam, e, de lá para cá, eles têm de se contentar com o Bolsa Família e cestas básicas.
Por sua vez, os fazendeiros escorraçados consideraram os festejos programados pelo Planalto como “verdadeira afronta”. O governador não compareceu à festa, e foram muitos os protestos expressos em faixas e outdoors.
As brincadeiras para os presentes de plantão rirem dessa vez não empolgaram ninguém… nem cocar nem arco e flecha. Assim, Roraima se encontra unido contra a política indigenista. Exceção do CIR, ligado à CNBB, que fez a festa…
Fonte: OESP