Ricardo III: o último rei medieval inglês despertou saudades até no III milênio

O público visita o caixão de Ricardo III na catedral de Leicester

Há 530 anos morria em combate Ricardo III (1452-1485), o último rei da dinastia Plantageneta, da Inglaterra. Ele foi vencido na batalha de Bosworth Field por Henrique Tudor, invasor e candidato à coroa.

Henrique Tudor se tornou o rei Henrique VII e foi o primeiro da dinastia que precipitou o país no protestantismo.

Ricardo III foi o último rei medieval inglês. Reinou de 1483 a 1485 e sua morte marcou o fim das Guerras das Rosas, entre a Casa de Lancaster (representada por uma rosa vermelha) e a Casa de York (representada por uma rosa branca).

O túmulo de Ricardo III estava desaparecido, provavelmente pelo receio de seus seguidores de que pudesse ser profanado pelos Tudor.

Ricardo III, da dinastia Plantageneta, último rei medieval inglês
Ricardo III, da dinastia Plantageneta, último rei medieval inglês

 

Até que em setembro de 2012 sua ossada foi encontrada por arqueólogos sob um estacionamento municipal, causando comoção no país. Seus restos foram enterrados no dia 22 de março de 2015 na catedral de Leicester.

Entre os presentes para render as últimas honras, entre outros, estava o príncipe Richard, duque de Gloucester e primo da rainha Elizabeth II.

Até a rainha Elizabeth escreveu um tributo a Ricardo III, segundo a Folha de S. Paulo (26.03.2015).

Mais de 35 mil pessoas acompanharam em Leicester o cortejo fúnebre do rei.

Cortejo liderado por cavaleiros conduz o caixão de Ricardo III pela cidade de Leicester rumo à catedral.
Cortejo liderado por cavaleiros conduz o caixão de Ricardo III pela cidade de Leicester rumo à catedral.

O carro funerário deixou a universidade local e dirigiu-se à Fenn Lane Farm, na aldeia de Dadlington, o local mais próximo de onde ele morreu (Campo de Bosworth).

Após uma série de homenagens em sua memória, ele foi para seu repouso definitivo na catedral. O passado medieval católico desperta saudades até num país esmagadoramente protestante.