Vídeo: Entrevista de José Antônio Ureta sobre seu livro: A “mudança de paradigma” do Papa Francisco

Disponibilizamos acima o vídeo da entrevista de nosso colaborador José Antônio Ureta apresentando o seu livro: “A ‘mudança de paradigma’ do Papa Francisco: continuidade ou ruptura na missão da Igreja?”


Declaração IPCO – Ante a “mudança de paradigma” do Papa Francisco: Resistir como São Paulo ensina

Há 44 anos, o pensador católico brasileiro Plinio Corrêa de Oliveira sentiu-se no dever de tomar uma posição pública em face da détente da Santa Sé com os governos comunistas da época. Ele o fez através do documento intitulado: A política de distensão do Vaticano com os governos comunistas. Para a TFP: – Omitir-se ou resistir? Era um momento ápice da Guerra Fria, quando a ideologia vermelha estava conquistando consideráveis partes do planeta.  À luz da História, o alçar dessa voz de respeitosa resistência à autoridade eclesiástica constituiu um gesto de grande clarividência.

[…]

No presente contexto, o IPCO julga necessário analisar e discernir os limites inerentes a pronunciamentos não revestidos da fórmula “ex cathedra”, ou que simplesmente não concernem diretamente à Missão confiada por Jesus a seus apóstolos. A mencionada declaração de 1974 ressaltava que a assistência assegurada pelo Espírito Santo ao Papa, para que este possa falar com o privilégio da infalibilidade, obedece a demarcações bem definidas pelo Concílio Vaticano I, fora das quais “em certas matérias ou circunstâncias a fraqueza a que estão sujeitos todos os homens pode influenciar e até determinar [a] atuação [do Papa]”.

É com este decisivo pressuposto que o Instituto Plinio Corrêa de Oliveira apresenta hoje o livro de seu colaborador José Antonio Ureta, intitulado A “mudança de paradigma” do Papa Francisco: – Continuidade ou ruptura na missão da Igreja? – Balanço quinquenal de seu pontificado.

Leia a íntegra

Deixe uma resposta