82% dos americanos com visão desfavorável da China

0

Apesar da propaganda chinesa na midia americana — lembramos o acordo da BAND com a midia de Pequim — e o esforço do PCCh para subornar ou financiar intelectuais, professores, pesquisadores nos EUA a cotação da China está em baixa crescente. https://ipco.org.br/a-nova-arma-de-propaganda-da-china-500-paginas-insuspeitas-em-seis-jornais-americanos/

O PCCh não representa o povo chinês! Onde estão as eleições livres?

Nosso site já informou sobre o declínio da cotação chinesa nos meios americanos: “Nos EUA, a suspeita em relação à China tem crescido. De acordo com a última pesquisa gallup realizada em fevereiro (2020), apenas 33% dos americanos tinham uma opinião favorável da China, abaixo de 45% em 2004, 41% em 2003, e menor ainda do que após a repressão (sangrenta) da Praça Tiananmen” (em 1989). https://ipco.org.br/mais-americanos-desconfiam-da-china-vox-populi-o-ocaso-de-pequim-e-a-missao-do-brasil/

Cresce a rejeição ao PCCh

Informa TheEpochTimes: “Mais americanos veem a China de forma desfavorável do que nunca, de acordo com uma nova pesquisa do Pew Research Center.”

82% dos adultos americanos relataram ter uma visão desfavorável da China, de acordo com a pesquisa, com 92% relatando que achavam que o aprofundamento da parceria da China com a Rússia representava um problema para os Estados Unidos.

Vitalmente, cerca de dois terços dos mais de 3.500 entrevistados em março descreveram a China como uma grande ameaça aos Estados Unidos, um aumento de 23 pontos desde que a pergunta foi feita pela primeira vez pelo Pew em 2013.

As relações sino-americanas continuaram a afundar nos últimos anos, à medida que uma série de questões trouxe as nações a discordâncias repetidas.

O presidente Joe Biden alertou o líder do Partido Comunista Chinês (PCC), Xi Jinping, que haveria “consequências” se a China continuasse seu aparente apoio à invasão russa da Ucrânia.

O mínimo que se pode dizer da atitude da China (PCCh) face à invasão da Ucrânia é de cumplicidade com Putin. A amizade russo-chinesa foi selada pouco antes da Invasão e a China se absteve de condenar a Rússia na votação da ONU.

Taiwan cobiçada por Xi Jinping

Os Estados Unidos também estão cada vez mais preocupados com o crescente assédio militar do regime a Taiwan, uma ilha autogovernada que o PCC considera sua. O regime comunista prometeu unir Taiwan ao continente, pela força, se necessário.

Washington é obrigado pela lei federal a garantir que Taiwan tenha os meios militares para se defender adequadamente.

Taiwan, lembramos, é um foco de resistência ao comunismo chinês e altamente cobiçada pelo PCCh por sua alta tecnologia e constante desafio à ditadura de Pequim.

Espionagem cibernática

Continua a notícia: “Outra área de discórdia é a contínua campanha de espionagem econômica e cibernética do PCC contra os Estados Unidos. O FBI estima que abre uma nova investigação de contra-inteligência relacionada à China a cada 12 horas e que há mais de 2.000 dessas investigações atualmente em andamento, utilizando recursos de todos os 56 escritórios de campo do FBI baseados nos EUA.

Da mesma forma, o Departamento de Justiça anunciou recentemente vários casos criminais de alto perfil nos quais alega que agentes chineses tentaram sistematicamente perseguir, assediar e intimidar americanos de ascendência chinesa.

Um desses casos incluiu um suposto complô para atacar um veterano do Exército dos EUA, a fim de impedi-lo de concorrer ao Congresso. Outro tratou de um esquema para perseguir, vigiar e chantagear uma patinadora olímpica americana e seu pai para garantir que eles não se manifestassem contra os abusos de direitos do regime.

O PCCh é a maior ameaça aos EUA

Os resultados da pesquisa parecem indicar um amplo acordo entre os adultos americanos com as opiniões dos altos funcionários da inteligência de que o PCC é atualmente a maior ameaça aos Estados Unidos.

Espionagem, clonagem de tecnologia de ponta, suborno de cientistas e professores americanos … essa é a regra do PCCh.

O Consulado chinês no Texas foi fechado por ser centro de espionagem.

Confere: o comunismo é uma seita filosófica, ateia, materialista que deseja ter o controle do mundo inteiro

Nossa Senhora Aparecida proteja o Brasil, nesse ano eleitoral, das manobras da esquerda e do falso Centrão aliados e simpatizantes do comunismo chinês.

Fonte: https://www.theepochtimes.com/82-percent-of-americans-now-view-china-unfavorably-poll_4436471.html

Deixe uma resposta