O ex-combatente da Segunda Guerra Mundial, o brasileiro Ermando Armelino Piveta, de 99 anos, gesticula ao deixar o Hospital das Forças Armadas, após ser tratado pela doença de coronavírus (COVID-19) e receber alta em Brasília, Brasil, em 14 de abril de 2020. (Reuters / Ueslei Marcelino).

Dispensa comentários. A satisfação da equipe médica, cumprindo seu dever e tendo êxito na cura desse ex-combatente, são dignas de aplauso.

Não é com decretos de quarentena socialista — cópia carbono do PCCh de Wuhan — que se edificará o Brasil. Dedicação da equipe médica, confiança na Providência, isso sim é a solução apresentada pela Terra de Santa Cruz.

E, já ultrapassamos 150 mil recuperações!. Se a midia não informa, desconfie desses que trabalham contra a Mãe Pátria, Brasil.

1 COMENTÁRIO

  1. This man must have been made of steel, since surviving a cold at that age is dicy. Ex-combatant from WWII to boot. Our Lady must have been helping him.

Deixe uma resposta