ONGs e agropecuária

“Engessando” o Brasil rural

Brasil das Ongs
ONGs estrangeiras atuam livremente no nosso País. Equivale a renunciarmos em parte à nossa soberania. Até onde chegará essa loucura?

Como exemplo das inúmeras interferências de ONGs estrangeiras em nosso País, uma das mais poderosas delas, a WWF, fechou um acordo com o Banco do Brasil.

Ela tem um “Programa das Águas”, e nosso Banco estatal (sabidamente “aparelhado”) exigirá que todos os empréstimos para crédito rural tenham um selo WWF assegurando que o credor não degrada o meio-ambiente no uso das águas.

Outro exemplo: O Greenpeace passou a monitorar os três maiores frigoríficos no Brasil – “JBS Friboi”, “Marfrig” e “Minerva” – para certificar que os bois que eles compram para abate não vêm de áreas desmatadas.

Outro exemplo: O Greenpeace passou a monitorar os três maiores frigoríficos no Brasil – “JBS Friboi”, “Marfrig” e “Minerva” – para certificar que os bois que eles compram para abate não vêm de áreas desmatadas.