União de forças conservadoras: IPCO e CDB

1

A defesa dos Valores Morais no Brasil, a luta contra o progressismo e a Teologia da Libertação pedem, dos movimentos católicos conservadores, uma estreita colaboração.

Assista ao vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=ta-6Cd8ukyg

Conservando as características de cada Organização, como se operava na outrora Cristandade, cada povo tem sua autonomia, seus costumes, suas leis.

O que era a Cristandade

Os povos cristãos formam uma verdadeira família, no sentido mais genuíno da palavra. A família resulta, antes de tudo, de uma certa comunidade de vida entre seus membros, recebida da mesma fonte, do mesmo tronco genealógico. 

A Cristandade tem também uma comunidade de vida, a vida da graça, a vida sobrenatural que faz de cada fiel um filho adotivo de Deus. A comunidade de vida cria obrigações, na família e na Cristandade. Na Família a defesa dos ancestrais, de que todos receberam a vida natural, a defesa dos parentes, em cujas veias corre o mesmo sangue. 

Na Cristandade, a defesa de Nosso Senhor Jesus Cristo e de Seu Corpo Místico. Na família, todos devem trabalhar para o ideal comum. Na Cristandade todos devem cooperar para a dilatação do Reino de Cristo.

O conceito de Cristandade é uma projeção, no terreno natural, da grande realidade sobrenatural que é o Corpo Místico de Nosso Senhor Jesus Cristo.” (1)

União Conservadora Católica 2022

Vimos o conceito de Cristandade dado pelo Prof. Plinio.

A União Conservadora Católica deverá seguir os princípios gerais que regiam a Cristandade: vida da graça, defesa dos Valores Morais, da Lei Natural, dilatar o Reino de Cristo esses seriam os pontos positivos.

Combater a Revolução Cultural, a agenda pró aborto, agenda lgbt, defesa da soberania nacional contra ambições internacionais, combate ao progressismo e sua versão político-social, o esquerdismo.

Conservando, é claro, suas peculiaridades, poder-se-ia dizer “seus carismas”, sua personalidade, sua autonomia e um profundo “frates in unum” sob o olhar de Maria Santíssima e do Cristo Redentor.

***

Saudamos essa continuidade de colaboração, esse estreitamento de relações que já existiam, cimentadas pela devoção Mariana segundo São Luiz Grignion de Monftfort, pela prática dos Mandamentos, pela orientação que nos foi legada em Revolução e Contra Revolução: a Revolução é a maior inimiga da Igreja Católica e da Civilização Cristã, maior inimiga da missão Providencial do Brasil.https://www.youtube.com/watch?v=ta-6Cd8ukyg

Domina conservet eum!

Nossa Senhora Aparecida, Rainha e Padroeira do Brasil abençõe, ilumine, dê lucidez, força e coragem para “combater o bom combate” de que nos fala o Apóstolo São Paulo.

1 COMENTÁRIO

  1. Mathias, o texto não apresenta como será a união de forças nem tem link para o vídeo que talvez explique o título. Procurei um artigo auxiliar mas nada. O que seria essa união?

Deixe uma resposta