Ativistas pró aborto atacam conservadores

0

WASHINGTON, D.C. (LifeSiteNews) – O Federal Bureau of Investigation confirmou que uma investigação foi lançada sobre os mais de 50 ataques de ativistas pró-aborto contra pró-vida que ocorreram desde o vazamento Roe v. Wade.

Fanatismo? Homofobia? Fundamentalismo?

Gostaríamos de saber como a midia alinhada à esquerda classificaria esses atos antidemocráticos de ativistas pró aborto. Também as ameaças contra os juízes conservadores e tentativas de assassinato.

A presidente da Câmara, Nancy Pelosi continua em seu ativismo pró aborto: “Pelosi passou a se concentrar no que ela vê como o crime de crítica à aborto. “Essa conversa de criticar tudo isso é algo exclusivamente americano, e não está certo. Outros países: Irlanda, Itália, México, legislaram iniciativas para ampliar o direito de escolha das mulheres. Países muito católicos”, disse Pelosi.

Além do vandalismo contra centros de gravidez e igrejas pró-vida, os indivíduos também se tornaram alvo de ativistas pró-aborto. Na semana passada, um homem foi preso e acusado de tentativa de assassinato do juiz da Suprema Corte Brett Kavanaugh.

A violência pró-aborto disparou desde que o projeto de decisão da Suprema Corte dos EUA que derrubaria o caso histórico do aborto, Roe v. Wade, vazou no mês passado.

Informa LifeSiteNews: “O FBI está investigando uma série de ataques e ameaças contra centros de recursos para gravidez e organizações religiosas em todo o país”, disse o FBI ao The Washington Times na sexta-feira. “O FBI leva todas as ameaças a sério e continuamos a trabalhar em estreita colaboração com nossos parceiros de aplicação da lei e permaneceremos vigilantes para proteger nossas comunidades”.

“Gostaríamos de lembrar aos membros do público que, se observarem algo suspeito ou tiverem informações sobre possíveis ameaças, denunciem imediatamente à polícia, liguem para o escritório local do FBI ou enviem uma dica para tips.fbi.gov”, acrescentou o escritório.

Uma lista compilada pelo Conselho de Pesquisa da Família pró-vida mostra que, em 16 de junho, 52 ataques pró-aborto ocorreram desde o vazamento, incluindo quase uma dúzia de atos de vandalismo contra igrejas católicas e quase 40 contra centros de gravidez em crise.

***

Se a grande midia não informa desconfie.

Fonte: https://www.lifesitenews.com/news/fbi-investigating-slew-of-pro-abortion-attacks-against-pro-life-centers-churches/?utm_source=top_news&utm_campaign=catholic

Deixe uma resposta