Breves: Austrália do Sul envia suprimentos médicos à Ucrânia

0

A Ucrânia revive uma emergência parecida com o auge da covid, tendo que dar prioridade aos civis e militares feridos, adiando cirurgias que seria em época de rotina.

Muitas Nações enviam socorros à Ucrânia.

“O governo da Austrália do Sul (SA) está doando cinco paletes de suprimentos médicos para a Ucrânia para apoiar hospitais e profissionais de saúde em seus esforços para fornecer atendimento de emergência a civis feridos“, informa TheEpochTimes.

Ajuda da Austrália do Sull

Os itens doados – que devem deixar a Austrália nesta semana – incluem máscaras laríngeas, equipamentos de primeiros socorros, incluindo curativos e oxímetros de pulso, usados ​​para medir os níveis de oxigênio no sangue.

Isso ocorre depois que a Dra. Liz Paslawsky, da Federação Australiana de Organizações Ucranianas (AFUO) – a organização guarda-chuva que representa a comunidade ucraniana na Austrália – entrou em contato com a SA Health para solicitar os suprimentos.

O primeiro-ministro Peter Malinauskas (Austrália do Sul) disse em um comunicado no sábado que, como resultado da invasão russa da Ucrânia, há milhares de vítimas civis em todo o país, com médicos e enfermeiros lutando para fornecer atendimento de emergência.

***

De nossa parte, a Federação pró Europa Cristã, enviou um colaborador que partindo da Itália, atravessou a Polônia e entregou 50 mil Medalhas Milagrosas para serem distribuídas aos ucranianos.

Há uma percepção, no Ocidente, de que ajudar a Ucrânia é um dever de Caridade, de Justiça. A reação dos ucranianos face à essa invasão levada a cabo por Putin dá um belo exemplo a todo o Ocidente e um chamado à nossa conversão.

Nossa Senhora ajude a reação ucraniana, reconforte os feridos e faça recuar as tropas invasoras da Rússia.

Fonte:

Deixe uma resposta