Cardeal Cupich favorece progressistas e caça a missa tridentina

0

Numa época em que Roma toma iniciativa de abertura para todas as religiões, de liberação para ritos abusivos para a celebração da Santa Missa, Caminhos Sinodais … somente a Missa Tridentina sofre restrições. O “dragão do tradicionalismo” na expressão de um expoente da CNBB, é o grande perigo.

Em época de “abertura” não favorece os tradicionalistas? Não favorece os fieis que anseiam pela missa tridentina? Entre outros perseguidores do rito de sempre, temos o Cardeal de Chicago, Blase Cupich.

Cancelando a missa tridentina

“CHICAGO, Illinois (LifeSiteNews) – Membros da comunidade em Chicago, incluindo um ministro protestante, compartilharam seu apoio ao Instituto de Cristo Rei Soberano Sacerdote em meio à repressão ao grupo pelo Cardeal Blase Cupich.”

Conforme relatado por LifeSiteNews, em 1º de agosto, Cdl. Cupich removeu faculdades para padres do ICKSP em Chicago por se recusarem a assinar um documento que violaria seu carisma por oferecer os sacramentos no rito romano tradicional.

Em resposta à paralisação, membros locais de Woodlawn no South Side de Chicago compartilharam seu apoio ao ICKSP em um artigo no Hyde Park Herald.

Uma forma de apostolado que atende aos anseios da população

Até o pastor da primeira Igreja Presbiteriana julga que o Cardeal Cupich “está basicamente retendo essa chave, além de mudar os fundamentos da forma de adoração que existe no Santuário há anos”.

E acrescentou que “fiquei impressionado, em primeiro lugar, com o quanto está crescendo, como é vital e multicultural”, disse Black ao Herald. “São apenas famílias jovens de todos os lugares – latinos, negros, brancos, muitas etnias, muitas famílias de imigrantes, muitas crianças pequenas.”

Ou seja, fica atestado a atuação benéfica do Instituto Cristo Rei em favor do apostolado, do bem estar espiritual daquela área. Por que, então, cancelar a missa tridentina, por que restringir o culto tradicional?

***

E os abusos litúrgicos em Chicago?

Observa, com razão a notícia que enquanto a “repressão à Missa Tradicional Latina por Cdl. Cupich, membro do Dicastério para o Culto Divino e a Disciplina dos Sacramentos” os abusos litúrgicos florescem na Arquidiocese de Chicago.

Os abusos litúrgicos recentes incluem um casal homossexual fazendo uma homilia em uma missa do Dia dos Pais, paroquianos dançando no altar no final de uma missa de Pentecostes para “Celebration” de Kool & The Gang, e um pastor da mesma paróquia dando uma bênção usando um violão.

São Pedro, primeiro Papa, proteja a Santa Igreja; São Pio V proteja o rito tradicional.

Fonte: https://www.lifesitenews.com/news/chicago-community-stands-with-institute-of-christ-the-king-over-latin-mass-crackdown/

Deixe uma resposta