Siv Kristin Saellmann

Pode uma corrente com uma cruz ser motivo para se perder o emprego? Aparentemente, sim, caso viva-se na Noruega e trabalhe-se para a NRK, uma companhia estatal de TV e rádio. Siv Kristin Saellmann – uma âncora bastante popular na Noruega – foi suspensa das suas funções por aparecer no ar usando uma cruz (1,4 centímetros) à volta do seu pescoço.

Alguns telespectadores – majoritariamente membros da comunidade maometana local – protestaram contra isto, alegando que “um colar com uma cruz é um insulto para o Islã”, e que “este símbolo não garante a imparcialidade do canal de televisão”. A jornalista, uma das mais conhecidas e mais populares na televisão pública norueguesa, foi suspensa e proibida de apresentar os seus programas “antes que isso se torne um ponto de discórdia e fomentador de crimes”.

Fonte: http://perigoislamico.blogspot.com.br/2013/12/o-uso-da-cruz-como-motivo-para-ver-o.html

Não corrompam nossas crianças através da “Ideologia de Gênero”

A Ação Jovem do IPCO está promovendo uma campanha nacional de abaixo-assinados que serão enviados para o Presidente Michel Temer pedindo a exclusão da satânica "Ideologia de Gênero" da Base Nacional Comum Curricular - BNCC.

Clique aqui e assine já!

 

9 COMENTÁRIOS

  1. A pretexto de defender a ideia distorcida de “laicidade” da mídia e do Estado, estão fazendo uma guerra violenta e covarde contra a verdadeira Igreja de Cristo.

     
  2. Imagine se isso chegar ao Brasil, falo assim, pois apesar de sermos um país maravilhoso, muitos aqui gostam de copiar o que não presta de fora, nosso governo por exemplo quer aprovar o aborto, o casamento gay, a eutanásia e tantas outras atrocidades, não seria de se admirar se aprovassem uma lei que obrigasse as pessoas a não usarem uma cruz,apesar de ver que uma cruz jamais deva ser motivo de alguém perde o emprego, vejo que nós Cristãos jamais devemos baixar a cabeça, os maometanos não tem nada de se meterem na Fé dos outros a cruz deve sim ser usada os Cristão jamais devem baixar a guarda diante do islamismo.

     
  3. Ainda bem que um dia acaba toda essa autoridade porque dizia S. Bernardo, amigo de São Francisco o seguinte: ” O que tu foste, um pouco de lama; o que tu és, um vaso de estrume e o que serás, alimento de vermes.” Aliás, somos como feno e flôr que murcha.Ou seja, não somos nada porque tudo depende do Criador de tudo e de todos- DEUS.

     
  4. E a imprensa de maneira geral pede liberdade de expressão.
    para a empresa em questão, pede o mesmo desde que não fira com sua linha anticristã.
    Realmente, com certeza, nada democrático e/ou impressa livre de vícios.

     
  5. Sinceramente, ou região corrompida essa região do ocidente e oriente. E cheio de crenças demoniaca, é islamismo, budismo, indianismo, etc. Ave Maria, imagine se não fosse a região onde começou a evangelização. Foi onde nasceu o comunismo, o nazismo. Meu Deus satanás tomou foi de conta desse ocidente. Imagine se Jesus não tivesse nascido nessa região.

     
  6. Isso é um absurdo. Nós se vamos aso países deles os respeitamos agora eles vem para os nossos países ditar regras. Eles que voltem para seus países….Alguém reclama da mulheres deles usarem burca? Isso é demais…

     

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome