21 de março

547: – Falece São Bento de Núrsia, iniciador do monacato ocidental, fundador dos beneditinos.

1098: – Em Citeaux, na França, o duque Eudes da Borgonha e São Roberto, abade de Molesmes, fundam a Ordem de Cister. Serão chamados os “monjes brancos” pela cor do hábito, em oposição aos beneditinos, denominados “monjes negros”.

1729: – Pobre e esquecido, morre em seu refúgio de Veneza o economista escocês John Law, inventor do papel moeda para substituir ao metal e às faturas. Sua idéia econômica era a de que o dinheiro não é senão um meio de intercâmbio e, portanto, não constitui riqueza em si mesmo. A riqueza nacional dependerá de haver comércio.

Execução do duque d’Enghien (óleo de Jean-Paul Laurens, 1873).
Luís Antônio Henrique, Duque d’Enghien (Chantilly, 22 de agosto de 1772 — Vincennes, 21 de março de 1804) foi um príncipe de sangue real francês executado às ordens de Napoleão Bonaparte depois de ter sido aprisionado em território germânico, conduzido para Vincennes e sujeito a um julgamento cujo veredicto já estava predeterminado pelo Primeiro Cônsul Napoleão. A sua execução causou comoção entre a aristocracia europeia e levou ao resfriamento das relações de Napoleão Bonaparte com o papa Pio VII e com a maioria dos monarcas europeus.

1800: – Em Veneza, enquanto a cúpula da Igreja desaloja Roma devido ao conflito armado, Pio VII é coroado com uma tiara papal temporal feita de papel maché.

1803: – É concluído o Código Civil francês, o “Código de Napoleão”, que influenciou os códigos posteriores, na Europa. Este Código remplaçava o direito existente no garantir a liberdade individual, a igualdade ante a lei, a propiedade privada, o matrimônio civil, o divórcio e a separação entre a Igreja e o Estado, eliminando as estruturas da sociedade feudal anterior. Terá grande repercução na Europa e América.

1804: – Assassinato do duque d’Enghien em Vincennes por ordem de Napoleão Bonaparte.

1871: – O chanceler alemão Otto Von Bismarck inaugura o Parlamento do império.

1918: – No fim da Primeira Guerra Mundial os alemães realizam sua última ofensiva, a Kaiserschlacht ou “batalha do kaiser”, que consistiu numa linha de ataque simultâneo de 69 km de largura, e que terminará com a vitória aliada dos franceses, britânicos e americanos.

1919: – É proclamada na Hungria a República Soviética Húngara. Durou 133 dias.

1933: – Na Alemanha, pouco depois de ganhar as eleições, Hitler obtém de Hindenburg a dissolução do Parlamento. Em seguida, inicia-se a detenção de membros das organizações social-democratas e comunistas.

 – Termina-se o campo de concentração de Dachau, a 16 km a noroeste de Munique, o primeiro construído pelos nazistas. Nele serão mortas 32 mil pessoas.

1963: – Telegrama dos autores de RA-QC ao Presidente repudiando o intento de reformar a Constituição.

1976: – Núncio Apostólico no Chile ataca A Igreja do silêncio no Chile.

1991: – Antes de que a URSS desapareça, dissolve-se a estrutura militar do Pacto de Varsóvia. Em julho o mesmo acontecerá com a estrutura política. Com isso se repatriam mais de meio milhão de soldados soviéticos em serviço nos países da antiga órbita comunista.

Deixe uma resposta