25 de agosto

325: – No reino da Bitinia, conclue-se o Concílio de Nicéia, cidade da Ásia Menor, na Turquia, o primeiro concílio ecumênico da Igreja, convocado por Constantino, para pôr fim à controvérsia ariana. Dele sairá o “Credo Niceno”, que é o credo católico mais universalmente aceito.

1580: – Com a vitória na Batalha de Alcântara, os espanhóis asseguram o trono de Portugal, iniciando-se assim a união entre os dois países. Desse modo o Brasil passa a ser também governado por Felipe II, da Espanha. Essa união se prolongará até 1640.

1790: – A Assembléia Constituinte francesa aprova a exclusão dos eclesiásticos de todas as funções públicas.

1825: – O Uruguai proclamam sua independência do Império brasileiro e sua incorporação às Províncias Unidas del Rio de la Plata.

1961: – O presidente brasileiro Jânio Quadros renuncia ao cargo sete meses após assumir, alegando forças terríveis; seu vice, o socialista João Goulart, assume o cargo.

1961: – O Conselho Nacional da TFP instala-se em sua nova sede, na rua Pará, 50.

Cruzada interpela os dirigentes da CGT

1965: – A revista “Cruzada”, fundada por jovens que depois dariam início à TFP argentina, interpela a central sindical peronista: “La CGT en marcha hacia el cambio de estructuras”. Isso ocasiona a primeira campanha com o estandarte rubro da TFP em Buenos Aires, com coleta de assinaturas.

1966: – 1000 universitários chilenos apóiam a campanha contra a RA de Fiducia.

1978: – O Vaticano expõe pela primeira vez o Santo Sudário, mortalha que cobriu o corpo de Nosso Senhor Jesus Cristo.

Deixe uma resposta