27 de julho

1214: – O rei Felipe II da França derrota João Sem Terra, da Inglaterra, na Batalha de Bouvines.

1549: – São Francisco Xavier chega às costas do Japão, onde exerceria um profícuo apostolado.

1794: – Durante a Revolução Francesa, a Convenção Nacional, no golpe que ficou conhecido como Golpe do 9 termidor, ordena a prisão de Maximilien Robespierre, depois deste ter proposto a execução de 17 mil “inimigos da Revolução”, numa ameaça aos deputados mais moderados. Isso acabará com a fase do Terror, a mais radical da Revolução.

1830: – Uma revolução nos dias 27, 28 e 29, do “povo de Paris” insuflado pelas sociedades secretas republicanas, e liderados pela burguesia liberal, provocam a renúncia forçada do rei Carlos X.

1843: – A China fica aberta ao comércio europeu.

1866: – Termina a instalação do cabo submarino Atlantic, o primeiro cabo telegráfico entre a Europa e os Estados Unidos, permitindo o estabelecimento de comunicações entre o continente europeu e a América do Norte.

1882: – Nasce o engenheiro britânico Geoffrey De Havilland, pioneiro da aviação, criador do Havilland Comet, primeiro avião a jacto de uso regular, e do “Mosquito”, avião de combate da Royal Air Force, o mais versátil da II Guerra Mundial.

1884: – Na França, primeira lei autorizando o divórcio.

1900: – Parte da Alemanha um corpo expedicionário para sufocar a rebelião dos boxers, na China.

1916: – Na I Guerra Mundial, os russos invadem a Turquia Oriental e ocupam Erzincan.

1919: – Em Chicago, começam os distúrbios raciais que terminarão uma semana depois com 38 americanos afro-descendentes assassinados pelos de pele branca. O apartheid durará até 1965.

1933: – O Governo da Segunda República Espanhola reconhece a União Soviética.

1941: – O Japão ocupa o território francês da Indochina.

1944: – Durante a II Guerra Mundial, forças americanas quebram a linha de defesa alemã, na Bretanha.

1946: – O Kuomintang (Partido Comunista Chinês), rechaça a proposta de finalizar a guerra civil na China.

1953: – Os Estados Unidos, a Coréia do Norte e a China assinam em Panmunjon um armistício que termina com a Guerra da Coreia. A Coreia do Sul fica só como membro observante ao negar-se assinar o armistício, que só favoreceu o inimigo do Norte.

1954: – É assinado um Tratado entre o Reino Unido e o Egito sobre a retirada dos britânicos da zona do Canal.

1972: – Realiza-se no Chile a Assembléia do Povo de Concepción, experiência de poder popular. Organizada pela esquerda do país, o ato foi rechaçado pelo Partido Comunista do Chile e pelo próprio Salvador Allende.

– Caso Watergate. A Comissão Judicial da Câmara dos Representantes dos EUA emite o primeiro dos três atos de impugnação do presidente Richard Nixon, comprovada a tentativa de obstrução à justiça.

O projeto de Constituição recebeu por parte de Plinio Corrêa de Oliveira especial atenção exposta num número especial de Catolicismo que teve ampla divulgação. Como não foram atendidas os alertas constantes da obra sofremos hoje suas consequências: a angústia tomou conta do País.

1983: – O ministro argentino do Interior confirma a prisão, em Buenos Aires, de 200 membros das forças militares e de segurança da ditadura do general Videla.

1988: – É aprovada no Brasil uma nova Constituição com grandes inovações, criticada na doutrina por ser muito extensa, prolixa e analítica.

1989: – Na URSS o Parlamento aprova provisoriamente a autonomia financeira das Repúblicas Balticas.

2002: – O Congresso americano concede ao presidente George W. Bush plenos poderes para negociar acordos comerciais com outros países.

Deixe um comentário!