Etiqueta e protocolo tranqüilizam as crianças

    “estão num lugar onde se respira elegância, e acabam se comportando de acordo com o que vêem a seu redor”

    O Alvear Palace Hotel de Buenos Aires inaugurou um curso intensivo de etiqueta, protocolo e boa educação para 30 crianças de 8 a 13 anos. Elas se sentam adequadamente em mesas com louça de porcelana, copos de cristal e talheres de prata.

    Assistem a palestras de comportamento em sociedade, enquanto garçons de luvas brancas servem água, sucos e delicados sanduíches.

    A professora Karina Vilella ensina como uma pessoa educada deve pegar os talheres, cumprimentar, dizer “por favor”, agradecer, ser pontual, etc. As crianças aprendem a montar uma “mesa inglesa” e uma “mesa francesa” e o modo de distribuir nelas os convidados.

    Surpreende ver as crianças quietas e obedientes no ambiente aristocrático do Hotel Alvear, onde elas “estão num lugar onde se respira elegância, e acabam se comportando de acordo com o que vêem a seu redor”. É bem o contrário que acontece em ambientes vulgares, como certos locais ultramodernos que geram mal-estar, favorecem a má conduta e deformam as almas de crianças e adultos.