Início das remessas de LNG no porto de Klaipeda. Lituânia se torna independente do gás russo
Início das remessas de LNG no porto de Klaipeda.
Lituânia se torna independente do gás russo

A Lituânia comemorou como um passo histórico para se livrar da dependência do gás russo e das extorsões de que era objeto no tocante a esse produto, a inauguração do terminal de Gás Natural Liquefeito – LNG no porto de Klaipeda.

O cargueiro LNG Arctic Aurora, com capacidade para 155.000 metros cúbicos de gás liquefeito, descarregou o primeiro envio comercial desse gás fornecido pela empresa norueguesa Statoil, segundo noticiou LNG World News.

Em outubro, foi feita uma primeira entrega em Klaipeda, porém ainda em fase de teste. Na ocasião, veio da Noruega o navio Golar Seal, capaz de transportar 160.000 metros cúbicos de gás liquefeito.

O início do transporte regular de gás marca uma nova era para a Lituânia, que fica independente do gás russo e das arbitrariedades agressivas de Vladimir Putin.

A presidente da Lituânia, Dalia Grybauskaitė, declarou que, se for necessário, o terminal LNG de Klaipeda poderá cobrir 90% das necessidades de gás da Lituânia, Estônia e Letônia, que até o presente dependiam 100% do gás da Rússia.

Em Moscou, os estrategistas da “nova URSS” ficaram em silêncio, roendo os dedos de contrariedade.

1 COMENTÁRIO

  1. Como é boa a independência. A dependência justificável, ao nosso sentir de leigo toante ao assunto, só a Deus e exatamente pelo fato de Ele n~ impô-la a ninguém. Ninguém tem o direito de impor-se a ninguém e/ou diante de alguém seja sobre o que o for e, muito menos ainda, ninguém tem o dever de aceitar tal imposição. A liberdade n~ tem outro preço a n~ ser o da responsabilidade. É oq penso e tenho dito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome