Noticia da BBC: “Somos prisioneiros estrangeiros… Ajude-nos e alerte uma organização de direitos humanos.”

Una tarjeta navideña con un mensaje escrito a manoA mensagem encontrada por uma menina em um cartão de Natal no Reino Unido levou a loja de auto-atendimento Tesco para suspender a produção dos cartões em uma fábrica na China.

Uma menina de 6 anos descobre a mensagem

A nota foi descoberta por Florence Widdicombe, de 6 anos, que teria sido escrita por prisioneiros na cidade chinesa de Xangai, denunciando que eles foram “forçados a trabalhar contra a nossa vontade”.

O que são “au pairs” e por que seu trabalho é considerado por alguns como uma forma de escravidão moderna?

A loja Tesco disse que estava “perplexa” com a descoberta, e garantiu que “ela nunca permitiria o trabalho prisional em nossa cadeia de suprimentos.” https://www.bbc.com/mundo/noticias-internacional-50887702

Em face disso, ele prometeu remover Zheijiang Yunguang Impressão da lista de fornecedores de cartões …

* * *

Uma fonte idônea como a BBC reproduz — e essa denúncia já tem se repetido — a notícia de que a China utiliza mão de obra análoga ao trabalho escravo.

Quanto a nós, não temos dúvida: para o comunismo o fim justifica os meios. A cruel perseguição de Xi Jinping aos católicos fieis à Roma, o confinamento de um milhão de uighures em campos de treinamento forçado, as continuas denúncias de violação dos direitos humanos …

Uma seita filosófica, atéia e materialista

Assim definiu o Prof. Plinio: – “uma seita filosofica atéia, materialista e hegeliana, a qual deduz dos seus errôneos princípios toda uma concepção peculiar do homem, da economia, da sociedade, da política, da cultura e da civilização;

“– uma organização subversiva mundial: o comunismo não é apenas um movimento de caráter especulativo. Pelos imperativos de sua própria doutrina quer ele tornar comunistas todos os homens, e amoldar inteiramente segundo os seus princípios a vida de todos os povos.

“Considerada neste aspecto, a seita marxista professa o imperialismo integral, não só porque visa a imposição do pensamento e da vontade de uma minoria a todos os homens, mas ainda porque essa imposição atinge o homem todo, em todas as manifestações de sua atividade”.

PDF gratuito, baixe aqui: https://pliniocorreadeoliveira.info/livros/1965.pdf

  • * * *
  • Nesse Natal, nós que estamos no Mundo Livre, pensemos e rezemos por essas almas que gemem e sofrem perseguição nas masmorras ou fábricas de trabalho análogo ao de escravo. Que o Menino Jesus se compadeça e abrevie esses dias.

Deixe uma resposta