Lágrimas da Imagem de Nossa Senhora de FátimaUm grupo de atores da Rede Globo de televisão gravou um vídeo, publicado em um canal do Youtube no último dia 3/11, que tem como resultado promover o aborto, negando assim o direito à vida de crianças inocentes. Ademais de contrariar frontalmente a Fé Católica, professada pela maioria da população brasileira, o aborto é crime pela legislação brasileira.

Trata-se de um documentário, Olmo e a Gaivota, lançado no último dia 05/11, que apresenta o aborto – assassinato de crianças inocentes – como um direito da mulher. (e o direito à vida da criança?)

A “peça publicitária” – que recebeu o prêmio de Melhor Documentário do Júri Oficial do Festival do Rio – é ademais de extremo mau gosto.

Logo no início do vídeo os atores mostram-se extremamente incomodados com a virgindade de Nossa Senhora, e a criticam abertamente. Parecem sentir-se atormentados pela pureza imaculada da Virgem Santíssima. Dizem:

Falar de gravidez é um tabu milenar. Contam como se tudo fosse maravilhoso, cor de rosa, sublime. Isso vem desde Nossa Senhora, […] Esse lance de virgindade [de Nossa Senhora]… é erro de tradução! E enquanto ficam discutindo isso eu fico gerando esse ser humano inteiro dentro de mim!”

Tal é o abominável jaez desse vídeo!

Segundo a descrição do vídeo no Youtube, ele “foi feito também em resposta a agressões verbais que recebemos na nossa página de Facebook depois do discurso feito pela diretora [do filme Olmo e a Gaivota] na premiação do Festival do Rio”.

Em uma das cenas, a atriz principal assim se refere a uma criança que está gerando: “Sinto que tem um alien dentro de mim, que se nutre de mim e me impõe as regras do jogo”. Esse é o modo de uma mãe se referir a seu próprio filho? Na frase não se nota nenhum carinho pelo fruto de suas entranhas, não há amor, só desagrado por esse “intruso”. Merece o nome de mãe quem assim pensa? Até as feras tratam com carinho suas crias. Além do que, as “regras do jogo” não são impostas pela criança, mas sim por Deus Nosso Senhor que criou a maternidade como um dom para a mulher. Aqui transparece o ódio à ordem posta por Deus.

Enquanto escrevemos, no canal do YouTube em que está postado, o trailer já ultrapassou os 34.919 “Não gostei” contra apenas 4.474 “Gostei”.

Convidamos a todos os nossos amigos e leitores a também protestarem contra essa abominável iniciativa, que só pode contar com a nossa mais enérgica repulsa, marcando a opção “não gostei” do vídeo em sua página no YouTube. Para isso, basta clicar aqui.

Também há uma petição on-line contra o documentário. Para acessá-la, clique aqui

5 COMENTÁRIOS

  1. REDE GLOBO DE TELEPERVERSÃO!
    JÁ OUVIU FALAR NELA?
    A Rede Globo de Teleperversão ( + comunistas por trás) é uma das maiores promotoras da alienação no Ocidente, caso Brasil e mais países, hoje uma verdadeira A LatRina e, lamentável é que a alta cúpula de nossos eclesiásticos em conjunto uníssono deveriam estar em serios confrontos, ao invés disso, “dialogam” com comunistas – embora saibamos que alguns da CNBB são esquerdistas – daí que não faz uma campanha maciça contra eles,deixando as ovelhas serem devoradas pela feras do campo!
    Quem sabe essa Rede Globo de Telepornocultura seria a maior disseminadora de relativismo ético-moral no país?
    No tempo da eleição a prefeito de S Paulo, alguém da IURD caluniou a Igreja: D Odilo se insurgiu e mandou seus 303 padres detonarem o Russomanno nas homilias, e em 3 semanas estava no chão!
    Não resolveu, mas deu um exemplo que é reação do alto clero, a partir de cima!
    Bem verdade que entrou outra imundicie igual ou pior que ele, o Haddad do PT, e a IURD “evangélica” é partner de Dilma com seu partido PRB, aliado do PT, embora saibamos que ambos são farinhas do mesmo saco!
    Parece que o povo brasileiro seria meio apático, desanimado, de uma fé superficial, religiosos moleirões que não admoestam os cristãos dos perigos do regime comunista – com as devidas exceções que os detonam, os mesmos de sempre – clero e povo se parecendo com os representados por políticos oportunistas e inimigos da Igreja que estão no poder, desde uns Lulas, FHCs, Renans da vida + outros tais quais!
    Dr Sergio Moro é um diamante raríssimo no Brasil em meio a mais de 200 000 000 de cidadãos, valendo mais que a direção da CNBB – D Damasceno sempre sorridente com Dilma, lembram? – uma CNBB que se mostra na tv, não valendo 1/10 dele!!

  2. Caros Irmãos e Irmã:-

    Acessem o meu blog e vejam a resposta que a Arquidiocese de Curitiba (um vídeo) deu a esses atores globais. Uma resposta que os desmoralizou por completo!!! Eis o link:-

    Contra Cabelo Azul Só Com Cabelo Vermelho!!!

    http://alal007.blogspot.com.br/2015/12/contra-cabelo-azul-so-com-cabelo.html

    Um grande abraço:-

    Alexandre Luiz Antonio da Luz
    Ex-Presidente da Sociedade Protetora dos Nascituros Imaculada Conceição de Maria
    Movimento Pró-Vida da Arquidiocese de Curitiba

  3. Uma vez um guerreiro muçulmano disse “Vamos vencer porque o ocidente valoriza a vida e nos a morte”. Filósofos e pensadores ocidentais por séculos defenderam o sexo como um tipo de recreação, enquanto a doutrina da igreja defende o sexo como meio de reprodução. A utilização do sexo como um meio de recreação, irá provocar irremediavelmente gravidez indesejada. Como os participantes da “brincadeira” não queriam filhos eles querem descartar essa vida em formação, principalmente no inicio dela. Isso nos diz que a vida não vale a diversão. Lembremo-nos dos romanos que se divertiam no coliseu vendo a morte de homens e animais.
    O cristianismo um dos três pilares da cultura ocidental conseguiu banir essa pratica, por valorizar a vida, principalmente dos inocentes, como bem mais precioso dado por Deus.
    O combate ao aborto deve começar pelo combate ao sexo como recreação. A civilização ocidental está sendo derrotada pela baixa natalidade, que é a consequência mais visível do feminismo e do uso do sexo como meio econômico e de recreação e não como meio de reprodução. Quando o povo peca Deus deixa de protege-lo. O castigo virá com a substituição da cultura ocidental corrompida pelo islã. Então o feminismo e o homossexualismo que são uma deturpação da cultura ocidental, serão banidos do ocidente. Veremos se isso irá acontecer ou não.

    • Paulo, isso vai acontecer, cedo ou tarde. Enquanto o ocidente, e especialmente a Europa, chafurda no lamaçal politicamente correto, vendendo um mundo “cor de rosa e florido” que só existe na cabeça dos lacaios dessas ideologias espúrias, o islã cada vez mais se infiltra e cria raízes por lá. Enquanto os “salvadores do mundo” defendem psicoticamente o meio ambiente, as ditas “minorias”, os “direitos” irrestritos ao hedonismo e à perversão, sob o manto de uma suposta “liberdade”, com o único intuito de posarem de bonzinhos aos olhos alheios, o inimigo se infiltra e se fortalece. Quero ver como ficarão as paradas gays e os protestos feministas sob a lei da sharia…

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome