Dom José Ruy G. Lopes, OFMCap  Bispo Diocesano de Jequié
Dom José Ruy G. Lopes, OFMCap
Bispo Diocesano de Jequié

Enquanto nestes dias as redes sociais, com estardalhaço, publicavam as mais variadas opiniões sobre uma mal fadada pesquisa do IPEA a respeito do estupro, em Brasília, deputados se mobilizavam para votar um projeto de lei que regulamenta no Plano Nacional de Educação “respeito pela questão de gênero”.

Ao mesmo tempo, na Capital da República, outra novela se desvela alheia aos olhos de milhões de cidadãos brasileiros que são as investigações a respeito de corrupção na outrora maior empresa de petróleo do mundo (orgulho de ser patrimônio nacional).

Dentro deste contexto, a Igreja Católica nesta porção do Povo de Deus na Diocese de Jequié, vem se manifestar peremptoriamente contrária a esta ideologia do partido que governa a nação que deseja “impor” pela maioria de sua base aliada um projeto que quer eliminar a ideia de que os seres humanos se dividem em dois sexos, afirmando que as diferenças entre homem e mulher não correspondem a uma natureza fixa, mas são produtos da cultura de um país, de uma época. Algo convencional, não natural, atribuído pela sociedade, de modo que cada um pode inventar-se a si mesmo e o seu sexo.

A consequência desse nefasto projeto é a mais completa dissolução do grande valor da dignidade do ser humano e da família. Imaginemos tantas crianças e adolescentes em escolas públicas ou particulares “aprendendo” que tudo é apenas uma questão de escolha.Tudo isso baseado na análise marxista da história como luta de classes, dos opressores contra os oprimidos, sendo o primeiro antagonismo aquele que existe entre o homem e a mulher no casamento monogâmico. Uma ideologia que procura desconstruir a família e o matrimônio como algo natural.

A voz que clama dentro de nós, é a da nossa consciência, reta, sincera e verídica a gritar: o ser humano possui dignidade. Devemos nos atribuir o real valor que possuímos,mesmo que seja isso politicamente incorreto e contrariando o modismo imposto pela mídia e pelo governo. Recordando as palavras de Santo Anastácio: “se o mundo for contra a verdade, eu serei contra o mundo”.

Jequié, 4 de abril de 2014.
Dom José Ruy G. Lopes, OFMCap
Bispo Diocesano de Jequié
_____________

Fonte: Fanpage da Mitra Diocesana de Jequié

COMPARTILHAR
Artigo anteriorParece que é, mas não é
Próximo artigoComo a comida foi industrializada
Instituto Plinio Corrêa de Oliveira
O Instituto Plinio Corrêa de Oliveira é uma associação de direito privado, pessoa jurídica de fins não econômicos, nos termos do novo Código Civil. O IPCO foi fundado em 8 de dezembro de 2006 por um grupo de discípulos do saudoso líder católico brasileiro, por iniciativa do Eng° Adolpho Lindenberg, seu primo-irmão e um de seus primeiros seguidores, o qual assumiu a presidência da entidade.

9 COMENTÁRIOS

  1. Parabéns, Dom José, pela luta em defesa da família cristã constituída segundo a vontade de Deus. Deus é a Verdade. Se o mundo nega que Deus criou homem e mulher, não resta dúvida de que o mundo nega a Verdade, isto é, o próprio Deus. E nós cristão temos o dever de nos opor à loucura do mundo.

  2. Se o Vaticano, o Papa, os Bispos não falarem e não colocarem a cara na mídia, as pedras falarão porque se omitirem Jesus lhes dirá: Não o conheço, embora fale de mim.

  3. As palavras de Jesus para seus apóstolos: Eu sou o caminho, s verdade e as vida.
    A verdade vem de Deus e nós não podemos contrariar a VERDADE. Se ao criar o mundo Deus viu que isso era bom, então Ele criou o homem a sua imagem; criou-o à imagem de Deus, criou o homem e a mulher. E Deus os abençoou: “Frutificai – disse ele – e multiplicai-vos, enchei a terra e a submetei-a.
    Como vemos, Deus criou o ser humano “homem e mulher”, nada mais e toda a verdade é esta que devemos seguir sem outros meios. Reescrevendo as palavras de Santo Anastácio: “se o mundo for contra a verdade, eu serei contra o mundo”.
    Assim todo o católico deve ser.

  4. Mensagem simples quanto certeira deste Bispo Católico! Gostaria de ver o mesmo da parte de todos os Bispos, um a um ou, talvez melhor, todos juntos, numa só voz e forte declaração clara e inteligível a todos os cidadãos, por todos os meios de informação, mesmo que pagando a notícia! É tempo de falar, anunciar e denunciar!
    “Não tenhais medo, eu venci o mundo!”, disse e diz-nos o Senhor Jesus.

  5. Parabéns ao Bispo que teve a coragem de assumir uma posição contrária aos comunistas católicos. As CEBs e a Igreja católica está assumindo uma posição que poderá vir a destruir a Igreja Católica no Brasil; a família já está sendo desmantelada através de posições de minorias e a Igreja está caindo no canto da sereia da opção pelos pobres. Os políticos atuais e o governo não estão interessados no povo e sim em seu sistema de governo dominador se não fosse isso não teria governista achincalhando a classe média como o terror do povo, lixo, aplaudidos por aquele que se vangloria de ter passado 40 milhões de brasileiros para a classe média.

  6. Não há em nossos dias quem duvide da política pró-morte que impera em várias nações do globo, sejam de direita ou esquerda. Há um movimento cuja ideologia principal é diminuir a população global. Alguns a chamam de “nova-ordem-mundial”, outros, creditam a grupos sociais com diversos títulos, enfim, há essa ideologia, seja que nomenclatura tiver, o seu ideal é o extermínio de grande parte da população. IMPRESSIONA???
    Para quem lê a BÍBLIA, no livro da REVELAÇÃO, (ou APOCALÍPSE), sabe que tudo isso está ali descrito de forma clara, lúcida, e de fácil entendimento, a questão portanto é, CRER ou NÃO CRER, na Sagrada Escritura. Cabe lembrar que, no final do livro, CRISTO É O GRANDE VENCEDOR.
    BOA PÁSCOA,
    PAZ E BEM À TODOS.

  7. A voz do Pastor se faz ouvir. É pena que na minha Diocese parece que apenas eu li sobre o assunto. Bispo, pároco e mesmo integrantes da Pastoral Familiar da qual faço parte e Educadores como eu, desconhecem o assunto.Mesmo tomando conhecimento permanecem inertes.Nas investidas que fiz, me senti atirando pérolas aos porcos, por não ser ouvida e pelo descaso. Parabéns Excelencia, por não se omitir.

  8. Para bens !! Dom José Ruy G.Lopes ,gostei da sua inteligente e sadia aula orientadora em relação a “questão do género”, essa pretendida imposição condiz realmente com o marxismo que já é matéria bem antiga na intenção de deturpar e destruir valores que são próprios da Familia Cristã,Católica Apostólica Romana de Orientação Ocidental e Cristã e agora já em tempos “modernos” visa desestruturar à Nação; as “virtudes” degenerativas de aquele partido junto a outros países latino americanos demonstram que os arautos da desgraça estão agindo e portanto é muito importante a UNIÃO FAMILIAR e o diálogo orientador para manter firme nossa Fé em Deus e em seu único Filho: Jesus e sua venerada Mãe a Virgem Maria. PARA BENS !!

  9. Sábias palavras do Bispo de Jequié. Recorendo à Bibila me arrisco a dizer. Se te perseguem por causa de mim, saiba que o mundo me odiou primeiro.O servo não é maior do que o patrão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome