“ROMA, 8 de novembro de 2019 (LifeSiteNews) – A líder indígena do sexo feminino que plantou uma árvore ao lado do Papa Francisco nos Jardins do Vaticano antes do Sínodo Pan Amazônico foi clara, desde o início, sobre o significado sincrético e pagão do ato que, explica ela, foi pretender “satisfazer a fome da Mãe Terra” e reconectar-se com “a divindade presente no solo amazônico”.

Para os que se iludiam achando que se tratava de “plantar mais uma árvore”

Em uma declaração de 4 de outubro, Ednamar de Oliveira Viana, da região de Maués, no Brasil, diz sobre a cerimônia de plantação de árvores do Jardim do Vaticano: “Plantar … é acreditar em uma vida crescente e frutífera para satisfazer a fome da criação da Mãe Terra. Isso nos leva à nossa origem, reconectando a energia divina e nos ensinando o caminho de volta ao Pai Criador.”(foto)

Ednamar também orientou os participantes a se curvarem ao redor das estátuas de Pachamama durante a cerimônia de 4 de outubro, disse sobre o evento: “O Sínodo plantour esta árvore, água e cultivo, para que os povos amazônicos sejam ouvidos e respeitados em seus costumes e tradições que vivem o mistério da divindade presente no solo amazônico.”

Fazemos notar que apenas partes da declaração de Ednamar de Oliveira Viana (não incluindo as mencionadas acima) foram incluídas em um comunicado de imprensa oficial emitido em Roma em 4 de outubro pelos organizadores da cerimônia do Jardim do Vaticano, incluindo REPAM (rede eclesial pan-amazônica), Movimento Climático Católico Global e a Ordem Franciscana (OFM).

Informa ainda a noticia que “a declaração completa do líder indígena pode ser encontrada, em inglês e português, em um link no final do parágrafo cinco do comunicado de imprensa” (do Vaticano).


LifeSiteNews conclui: “São Bonifácio de Crediton, o apóstolo e santo padroeiro da Alemanha, dramaticamente derrubou o Carvalho de Donar, uma árvore que os alemães consideravam sagrada para o deus pagão Thor. Atualmente, a árvore sagrada amazônica é guardada com segurança dentro dos recintos dos jardins do Vaticano até que um novo São Bonifácio surja”.

Fonte: https://www.lifesitenews.com/news/female-indigenous-leader-reveals-pagan-significance-of-tree-planting-ceremony-in-vatican-gardens

Deixe uma resposta