Altar sob o qual está enterrado São Paulo em Roma

No ano do segundo milênio do nascimento do Apóstolo das Gentes, o grande São Paulo, ficou confirmada a localização do túmulo do apóstolo martirizado em Roma.

Os restos de São Paulo foram venerados continuadamente durante séculos sob o altar papal da basílica de São Paulo extramuros (San Paolo fuori le mura, Roma).

Seu martírio ocorreu, porém, no local da atual abadia das Três Fontes.

Em tempos pagãos, nesse local havia um pântano. Quando os imperadores queriam fazer “desaparecer” um cristão sem chamar a atenção, o levavam lá para martirizá-lo.

São Paulo morreu decapitado. Sua cabeça foi posta sobre uma coluna e na hora tremenda do martírio caiu dando três tombos. No local de cada tombo abriu-se uma fonte.

Na Idade Média foi erigida uma abadia beneditina que existe até hoje, sendo visitada pelos peregrinos. É a Abbazia delle Tre Fontane. Na Renascença foi erigida riquíssima igreja sobre as três fontes. Há um magnífico altar sobre cada uma delas. (foto embaixo)

Na abadia das Três Fontes foram construídos três altares sobre os pontos onde rolou a cabeça do mártir e brotaram três fontes.

Poucos viajantes e peregrinos sabem, mas quando eles vão do aeroporto de Roma para a cidade, passam quase ao lado deste famoso local.

A piedosa devoção ao túmulo do Apóstolo Paulo, instalado sob o altar mor da basílica de San Paolo fuori le mura, atraiu multidões de peregrinos.

Nos tempos de fé ninguém fazia muita questão de conferições ou confirmações científicas da tradição oral transmitida de geração em geração.

O bom senso e a evidência dos testemunhos confirmavam a veracidade do fato.

Mas, na nossa época espalha-se, por vezes, uma ojeriza contra a tradição, sobre tudo quando é piedosa, como se fosse sinônimo de superstição carente de fundamento histórico.

Agora, neste segundo milênio do nascimento do grande Santo, as conferições foram feitas.

Os estudos e análises começaram em 2007.

Fiéis rezando e redigindo pedidos junto ao túmulo de São Paulo Apóstolo

Desfazendo toda dúvida, o sarcófago foi localizado onde sempre se acreditou estar, inviolado durante muitos séculos.

Os peritos perfuraram o túmulo e introduziram uma sonda especial. A sonda reportou a existência de um riquíssimo tecido de linho cor púrpura, recoberto de ouro e mais um pano azul com filamentos de linho.

A sonda verificou também a presencia de grãos de incenso vermelho.

Pequeníssimos fragmentos ósseos de ali extraídos passaram pelo teste do carbono 14. Este foi feito por especialistas que não conheciam a procedência das amostras. Eles concluíram pertencer a uma pessoa que viveu entre os séculos I e II da era cristã.

Todos estes dados foram feitos públicos pelo próprio Papa Bento XVI, então reinante.

Aos olhos dos especialistas estes indícios concordantes com a tradição inconteste de muitos séculos confortam a ideia de se tratarem dos restos mortais do Apóstolo das Gentes. Pode se esperar ainda novos estudos e análises.

Vídeo: Sim é o túmulo do São Paulo Apóstolo ! Testes confirmam

1 COMENTÁRIO

  1. Em Tre Fontane tambêm tiveram lugar as Aparições de Nossa Senhora do Apocalpse ao vidente Bruno Cornachiola com importantes revelações sobre u futuro da Igreja

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome