A Invasão da Ucrânia e a “Consecratio Russiae”: assine, divulgue a Petição

1
Participe, assine: https://www.consecratiorussiae.org/pt-BR

https://www.consecratiorussiae.org/pt-BR é o nome da Campanha ora promovida pelo Instituto Plinio Corrêa de Oliveira pedindo a Consgração da Rússia ao Imaculado Coração de Maria.

A Petição da Consagração da Rússia ao Imaculado Coração de Maria

“Beatíssimo Padre,

Na aparição de 13 de julho de 1917, Nossa Senhora disse aos três pastorzinhos na Cova da Iria: “Virei pedir a consagração da Rússia ao meu Imaculado Coração e a comunhão reparadora nos primeiros sábados. Se atenderem a meus pedidos, a Rússia se converterá e terão paz; se não, espalhará seus erros pelo mundo, promovendo guerras e perseguições à Igreja.”

Em 13 de junho de 1929, no convento das Irmãs Doroteias em Tui (Espanha), onde a Irmã Lúcia havia ingressado, Nossa Senhora lhe confiou, em nova aparição: “É chegado o momento em que Deus pede ao Santo Padre fazer, em união com todos os bispos do mundo, a consagração da Rússia ao meu Imaculado Coração, prometendo salvá-la por este meio.”

***

Com essas palavras iniciais fica lançado o Apelo ao Papa Francisco para atender aos pedidos de Nossa Senhora de Fátima, 1917.

Participe, assine: https://www.consecratiorussiae.org/pt-BR

Conversão da Rússia, conversão do Ocidente, comunhão reparadora

Não basta a conversão da Rússia, é preciso também a conversão do Ocidente afirma o Prof. Plinio em seu artigo sobre o cincoentenário de Fátima. Depois de afirmar a necessidade da Consagração da Rússia ao Imaculado Coração de Maria, acrescenta:

Em segundo lugar, sobreleva notar que, na Cova da Iria, Nossa Senhora formulou duas condições, ambas indispensáveis para que se desviassem os castigos com que Ela nos ameaçava.

“Uma dessas condições era a consagração. (…) Resta a segunda condição: a divulgação da prática da Comunhão reparadora dos cinco primeiros sábados. Parece-nos evidente que essa devoção não se propagou até hoje pelo orbe católico na medida desejada pela Mãe de Deus.”

“E há ainda outra condição, implícita na mensagem, mas também ela indispensável: é a vitória do mundo sobre as mil formas de impiedade e de impureza que o vêm dominando. Tudo indica que esta vitória não foi alcançada, e, pelo contrário, que nos aproximamos cada vez mais do paroxismo nesta matéria. Assim, uma mudança de rumo da humanidade se vai tornando cada vez mais improvável. E, à medida que caminhamos para esse paroxismo, mais provável se vai tornando que estejamos caminhando para a efetivação dos castigos…

“Cumpre aqui fazer uma observação. É que, a não serem vistas as coisas assim, a mensagem de Fátima seria absurda. Pois se Nossa Senhora afirmou em 1917 que os pecados do mundo haviam chegado a um tal cúmulo que clamavam pelo castigo de Deus [apliquemos ao Ocidente], não pareceria lógico que esses pecados continuassem a crescer durante cinqüenta anos, o mundo se recusasse obstinadamente e até o fim a ouvir o que lhe foi dito em Fátima, e o castigo não viesse. Seria o mesmo que se Nínive não tivesse feito penitência e contudo as ameaças do Profeta [Jonas] não se verificassem.”

“De mais a mais, a própria consagração pedida por Nossa Senhora não teria por efeito afastar o castigo se o gênero humano continuasse cada vez mais aferrado à impiedade e ao pecado. Pois enquanto tal se desse, a consagração conservaria algo de incompleto e despido de conteúdo real.”

***

Apoie, divulgue a Petição da Consagração

Eis as palavras finais da Petição:

“Ainda durante o Concílio Vaticano II, há mais de 50 anos, dois bispos brasileiros apresentaram uma petição, inspirada e redigida pelo Prof. Plinio Corrêa de Oliveira, pedindo essa consagração da Rússia. A petição foi assinada por 512 padres conciliares, mas a consagração não foi feita. Dentro dessa continuidade histórica, apresentamos essa filial súplica.

Santo Padre, é chegado o momento de fazer essa consagração! Se assim o fizerdes, Nossa Senhora converterá a Rússia e a trará de volta para o seio da Santa Igreja Católica, que ela há tantos séculos abandonou. A Santíssima Virgem se encarregará dessa obra maravilhosa fazendo reinar a paz no foco da guerra, e num mundo pacificado reinará com seu coração de Mãe: “Por fim, o meu Imaculado Coração triunfará”. “

Assine aqui: https://www.consecratiorussiae.org/pt-BR

***

Nossa Senhora de Fátima abençoe essa Campanha, Santa Jacinta e São Francisco Marto sejam os patronos dessa iniciativa cuja finalidade é obter a Consagração da Rússia ao Imaculado Coração de Maria.

Que eles rezem especialmente pela resistência ucraniana, suscite em todo o Orbe a graça de cruzada em defesa da Fé, da Justiça e Caridade para com a Ucrânia.

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta