Recentemente a Presidente reeleita de Taiwan escreveu ao Papa Francisco:

“Muitos dos conflitos internacionais de hoje podem ser atribuídos ao desejo de dominar outros”, escreveu Tsai ao pontífice argentino. “Quando uma parte tenta impor sua vontade a outra, o diálogo genuíno se torna impossível.”

  • * * *
  • O que é a Paz de Nosso Senhor? E o que o Mundo chama de Paz?

Comenta o Prof. Plinio: “Há, portanto, duas espécies de paz: a paz que vem de Deus, e a paz que vem do mundo, a paz verdadeira e a paz de mentira.

A Paz de Nosso Senhor vem da observância da Lei de Deus

“A paz que vem de Deus reside no fundo das consciências, e reúne numa mesma concórdia todos os justos. É uma paz que neste mundo só se conquista e se mantem à custa de uma guerra sem tréguas. É esta paz que dá alegria aos Santos, no meio de suas tribulações.

A “Paz” do Mundo

“A paz que vem do mundo, porém, não devia chamar-se paz, mas estagnação. Estagnação em que as consciências são violentadas, o bem é postergado e a verdade adulterada. É desta paz que se costuma dizer: “Reina a paz em Varsóvia”.

“É uma paz em que o bem é misturado ao mal, a virtude ao vício, o direito à injustiça. É a paz das transigências, das acomodações, das covardias, paz do pecador endurecido no pecado, paz dos charcos e dos sepulcros.

A Oração da Igreja pela Paz

“Por isso diz a Igreja em sua oração oficial pela paz: “Oh! Deus, de quem procedem os santos desejos, os retos conselhos e as obras justas, concedei a vossos servos aquela paz que o mundo não pode dar, a fim de que os nossos corações sigam os vossos mandamentos, e livres do temor dos inimigos, gozemos dias tranquilos sob a vossa proteção””.

A Paz é a tranquilidade da Ordem

“E, como a verdadeira paz é a tranquilidade da ordem, e a ordem natural das coisas exige que a Igreja seja considerada a primeira instituição entre todas, primeira em dignidade e autoridade, rezemos pela exaltação da Santa Madre Igreja, porque só assim poderá haver paz para os homens”.   https://www.pliniocorreadeoliveira.info/LEG_401124_paz_verdadeira_falsa.htm#.Xi40C2hKiUk

  • * * *
  • A Paz mundial, portanto, pressupõe a observância da Lei Natural, quer dos indivíduos, quer das famílias, quer das Nações.

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta