Agronegócio, modelo de sustentabilidade, produção, preservação: relatório das Nações Unidas

0

Agricultura de precisão e tecnologia baseada na ciência têm levado o Brasil a colher mais, em uma área menor.

Agricultura de precisão e tecnologia

A ILPF(integração lavoura-pecuária-floresta), a agricultura de precisão e a tecnologia baseada em ciência já levaram o Brasil ao ser um dos maiores exportadores globais de commodities.

Agora, o agronegócio brasileiro começa a ser reconhecido a nível internacional … esperamos que a midia alinhada, a Oposição, os fanáticos ambientalistas se mostrem, também, um pouco patriotas, e reconheçam seus próprios erros difamando aqui e no Exterior a sua Pátria Mãe, a Terra de Santa Cruz.

Agricultura e segurança alimentar na agenda de mudanças climáticas

Diz a notícia: “O desenvolvimento da atividade agrícola brasileira acaba de ser citado em um importante relatório do secretariado da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre a Mudança do Clima (United Nations Framework Convention on Climate Change – UNFCCC), relacionado aos trabalhos realizados no âmbito da reunião de Koronivia para a agricultura.  O UNFCCC é o tratado internacional resultante da Conferência das Nações Unidas para o Meio Ambiente e o Desenvolvimento. O Koronivia  uma instância importante nas negociações sobre agricultura, dentro da UNFCCC, que busca valorar a importância da agricultura e da segurança alimentar na agenda de mudanças climáticas.”

Ressaltamos que é muito importante para as Comissões da Câmara e do Senado darem eco à essa vitória do Brasil sobre o Meio Ambiente … convidarem novamente o Ministro Ricardo Salles … mas, dessa vez, para congratulações. Aguardemos … afinal seria uma amostra de sinceridade.

São Pedro e outros Apóstolos também voltaram atrás. Judas preferiu outro caminho.

***

Continua a notícia: “Trata-se de uma citação importante para o Brasil, porque representa o reconhecimento do valor da pesquisa agropecuária em benefício do desenvolvimento nacional, que dá visibilidade à ciência agrícola brasileira como referência mundial”, diz Gustavo Mozzer, pesquisador da Embrapa (Empresa de Pesquisa Agropecuária Brasileira), que integra a equipe do Polg (Núcleo de Políticas Globais) da gerência de relações estratégicas internacionais  da Secretaria de Inteligência e Relações Estratégicas, responsável pela coordenação do trabalho, com o apoio do Portfólio de Mudança do Clima.”

“A ILPF, por exemplo, é citada como a responsável por contribuir com a segurança alimentar e o desenvolvimento socioeconômico. A agricultura de precisão e a tecnologia baseada em ciência são reconhecidas por elevarem a produtividade e reduzirem em 50% o preço dos alimentos. O conjunto da obra contribui para a segurança alimentar, o desenvolvimento sustentável e a renda dos agricultores.”

Aumenta a produtividade e cresce a preservação

“O secretariado da UNFCCC destaca no texto que a produtividade brasileira aumentou 386% e a área agrícola apenas 83%. Isso significa a preservação de 120 milhões de hectares de floresta. “A chave para isso foi o investimento do Brasil em políticas públicas relevantes e tecnologia de base científica”, diz o texto, ressaltando a promoção da agricultura, baseada na intensificação sustentável, a inovação tecnológica, a adaptação às mudanças climáticas e a conservação dos recursos naturais. Ainda de acordo com o relatório, “o Brasil pretende continuar esses esforços e usar oportunidades de cooperação intercâmbio de conhecimento e apoio multilateral como estratégias-chave para alcançar o desenvolvimento sustentável e a segurança alimentar”.”

***

Os dados do Relatório do Secretariado da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre a Mudança do Clima (United Nations Framework Convention on Climate Change – UNFCCC) são suficientemente claros e precisos.

O que não é claro é a atitude de maus brasileiros que se atrevem a denegrir o País até no Exterior. Isso foi expressamente manifestado pelo Ministro Ricardo Salles, recentemente, na Câmara Federal.

Repetimos, seria um sinal de patriotismo ou pelo menos de imparcialidade do Legislativo Federal convidar novamente o Sr Ministro Salles … dessa vez a fim de parabenizá-lo. Afinal, não lhes alegra o prestígio internacional de sua Pátria?

E também os mentores de Greta deviam informar à adolescente que os novos dados contradizem a sua fala midiática contra o Brasil.

Fonte: https://forbes.com.br/forbesagro/2021/05/agropecuaria-brasileira-ajuda-a-salvar-o-planeta-reconhece-a-convencao-quadro-das-nacoes-unidas-sobre-mudanca-do-clima/

Deixe uma resposta