Nelson Ramos Barretto

Através da BBC BRASIL.com, acabamos de tomar conhecimento de mais um passo que o mundo moderno dá em rumo ao abismo. Ontem, a Inglaterra passou a veicular pela TV um comercial de suas clínicas de aborto.

Marie [sic] Stopes – organização que reúne as clínicas abortistas [na verdade, clínicas da morte] se responsabilizou pelo primeiro comercial de extermínio de crianças indefesas e inocentes na Grã-Bretanha.

O comercial deverá ser repetido até fins de junho, o que vem causando justa indignação nos ativistas anti-aborto, pois julgam tratar-se de vil banalização da vida humana, prometendo mesmo entrar na justiça contra a transmissão da propaganda.

Os marqueteiros da morte, contudo, tomaram o cuidado de não mencionar a palavra aborto na propaganda, mas pergunta “Você está atrasada?”- E passa a aconselhar quem enfrenta gravidez indesejada a procurar o atendimento 24 horas da organização Marie Stopes.

Sociedade de Proteção de Crianças Não-Nascidas através de seu diretor estuda medidas sobre a legalidade do comercial. Já o órgão que controla a publicidade no país informou que organizações como Marie Stopes estão autorizadas a fazer comerciais.

Porta-voz do órgão disse que “se os telespectadores se sentirem lesados sobre o conteúdo ou o horário de transmissão do anúncio, a instituição poderá considerar reclamações apenas depois que o comercial for ao ar“.

A organização que reúne as clínicas da morte diz que cerca de 80% dos abortos que realizou em 2009 foram graças ao sistema público de saúde. “Nós esperamos que a nova campanha ‘Você está atrasada? ‘ incentive as pessoas a falarem sobre suas escolhas, incluindo o aborto”.

Michaela Aston, porta-voz da organização anti-aborto Life, disse que “permitir os promotores do aborto anunciar na TV como se não fossem diferentes de fábricas de carro ou detergente, é grotesco”.

Anthony Ozimic, outro líder anti-abortista, afirmou que “o enorme lucro da Marie Stopessignifica que pode pagar comercial na TV, o que é caro. Isso cria um campo injusto, já que grupos pró-vida simplesmente não podem pagar por tais comerciais”.

Além de ofensa sem nome às mulheres contrárias ao aborto, tal publicidade alardeia o pecado que brada aos Céus e clama a Deus por vingança. Santo Tomas de Aquino estava cheio de razão ao afirmar que o homem quando perde a razão se torna o pior de todos os animais! Realidade em nossos dias?