Eu vi a Venezuela em Araraquara: lockdown socialista petista

2

“Eu vi a Venezuela em Araraquara”; o vizinho comeu o meu gato porque estava com fome.

O ouro se purifica no cadinho, as provações vencidas engrandecem a alma humana. Nas adversidades, nas batalhas surgem os heróis. Pelo contrário, os charlatães, os oportunistas costumam se servir das mazelas alheias para proveito próprio. Hienas e chacais fazem o mesmo.

Desperta a generosidade do brasileiro

Recente vídeo, que circula pela internet mostra, mais uma vez, a alma brasileira (bem entendido, antiesquerda) que se condói com a dificuldade do próximo, expande seu potencial de caridade e pode chegar ao heroísmo.

O Cel. Mello Araujo, presidente da CEAGESP, comandou a distribuição de cestas básicas em Araraquara. Seu depoimento comove os brasileiros e mostra, mais uma vez, como a Terra de Santa Cruz continua fiel às suas raízes portuguesas, à sua formação católica. A mobilização dos doadores, os voluntários da linha de frente na distribuição dos alimentos, e a constatação de que os caminhões de alimentos como que se multiplicavam a si mesmos. Afirma o Col Mello Araujo, algo à maneira da multiplicação dos pães e dos peixes.

Esse é o Brasil.

Prefeito Petista de Araraquara: modelo de lockdown comunista

Bem outra foi a atitude do prefeito-ditador petista de Araraquara. Os brasileiros de todos os quadrantes tiveram acesso ao video postado na internet: uma mulher sendo objeto de violência brutal porque estava na praça pública. Araraquara, fiel ao modelo chinês de Xi Jinping decretou o lockdown mais comunista do Brasil.

Resultado? Fome, miséria. Uma senhora declarou: meu vizinho comeu o meu gato, e eu não pude reclamar porque sabia que ele estava passando fome.

***

Para concluir, o prefeito que deveria ser grato à CEAGESP, protestou contra a distribuição de alimentos que teria objetivos políticos. Segundo ele, deveriam ter sido usadas as instituições filantrópicas da cidade.

Produz miséria e ainda é ingrato ao benfeitor. Bem exatamente o que são os petistas, esquerdistas, comunistas: caridade é exclusividade do Cristianismo.

Nossa Senhora Aparecida, livre o Brasil do comunismo, dos lockdowns, dos inimigos da Terra de Santa Cruz

Fonte: https://video.search.yahoo.com/search/video;_ylt=AwrC5rKAHaFgkhMAOB77w8QF;_ylu=c2VjA3NlYXJjaAR2dGlkA0MwMjU2;_ylc=X1MDOTY3ODEzMDcEX3IDMgRhY3RuA2NsawRjc3JjcHZpZANVRnlUdHpFd0xqRkFjU1NOWDdiUldBQ3lNVGM1TGdBQUFBQnNjQkdzBGZyA21jYWZlZQRmcjIDc2EtZ3AEZ3ByaWQDVWoyX0hfc0dSMm1XVkJobUJpMTMwQQRuX3JzbHQDNDcEbl9zdWdnAzAEb3JpZ2luA3ZpZGVvLnNlYXJjaC55YWhvby5jb20EcG9zAzAEcHFzdHIDBHBxc3RybAMEcXN0cmwDMzYEcXVlcnkDY2VsJTIwZGElMjBjZWFnZXNwJTIwZW0lMjBhcmFyYXF1YXJhBHRfc3RtcAMxNjIxMTcxNjYw?p=cel+da+ceagesp+em+araraquara&ei=UTF-8&fr2=p%3As%2Cv%3Av%2Cm%3Asa&fr=mcafee#id=14&vid=22b9dab0d250afb520deb6ed7c772f86&action=view

2 COMENTÁRIOS

  1. se houvesse entregue os alimentos as instituições, com certeza o prefeito tomaria para si, ou usaria como fachada, e as instituições com medo aceitariam. Resta-nos ter fe em Deus, e o povo se posicionar no dia das eleicoes. Nao se vender para politico, em troca de nada, mesmo que seja comida. Ou mesmo se pegar a comida, não vote em quem compra o seu voto.Do contrário, estaremos eternamente neste circuçlo vicioso.

Deixe uma resposta