Todos os anos, no Advento, o correio alemão recebe inúmeras cartas dirigidas ao Menino Jesus. Todas são tratadas com seriedade e a página oficial do correios informa os endereços do Menino Jesus, de São Nicolau e até mesmo do Papai Noel.

Localizada na Baviera, no sul da Alemanha, um grupo de voluntários dirigidos pela senhora Rosemarie Shotte, responde todas as cartas das crianças endereçadas ao Menino Jesus, conforme informa o próprio Correio Alemão no seu Weihnachtspost (Correio de Natal). ¹

As crianças se dirigem ao Menino Jesus como o pronome “du” (Tu), algo não irreverente, mais sim muito íntimo, pessoal. O tratamento de “du” em Alemão é respeitoso, usado sempre a Deus, aos Anjos, aos Santos, aos pais ou parentes próximos, sem a vulgaridade usual de nossos dias.

É bonito ver os nomes dessas localidades, onde Menino Jesus, São Nicolau e o Papai Noel têm seus “endereços oficias”: “Cidade Celeste”, “Porta do Céu”, “Aldeia de Nicolau”, etc. São Lugares reais, que existem no mapa alemão. As agências natalinas do correios carimbam os selos dessas cartas com um carimbo especial de Natal.

A Sra. Schotte parece ser a alma da agência da cidade de Himmelstadt (Cidade de Deus). Ela diz que se emociona muitas vezes com certos pedidos das crianças como: “querido Menino Jesus, traga meu papai de volta!”. Essas cartas ela faz questão de responder pessoalmente.

Nas correspondências que chegam em Himmelstadt, na Baixa Francônia, entre inúmeras perguntas feitas ao Menino Jesus, temos: “Que aspecto tem Você?” ou “Você é parente do Papai Noel?”. Para se ter ideia, no ano passado chegaram cerca de 65.000 cartas desse tipo. Enquanto hoje, por enquanto, chegaram 4.000.

Para Sra. Rosemarie Shotte, o tema Pandemia tornou-se o tema deste ano, até entres as crianças: “Pesa muito para as crianças não poderem visitar os avós” e o fato delas não poderem se juntar com os amiguinhos, mostrar os brinquedos, brincar, fazer as pazes… e tudo que o Natal inspira nas inocentes crianças…

Feiras livres de Natal na Alemanha

Enfim, ainda há restos da Civilização Cristã na Europa, mesmo diante desta perseguição deliberada contra a Fé Católica neste Natal. Essa mesma Fé que plasmou a Cristandade e que se encontra, atualmente, em decadência… Hoje, na Alemanha, as feiras natalinas, as Missas, a comemoração em Família são boicotadas e proibidas…

Rezemos pelas mechas de chamas que ainda fumegam, para que não se apaguem e para que voltem a brilhar com mais esplendor do que antes.

Fonte: ¹ = https://www.deutschepost.de/de/w/weihnachtspost/weihnachtsmann-christkind.html

Deixe uma resposta