Destaques


1 – NATAL: EM DEFESA DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO
2 – ONU PEDE LIBERTAÇÃO DE 59 COLOMBIANOS, DETIDOS HÁ DOIS ANOS, NA VENEZUELA
3 – “ACORDO PROVISÓRIO” CHINA-VATICANO CRIA PROBLEMAS DE CONSCIÊNCIA
4 – LANFANG, CHINA, PROIBE ORNAMENTAÇÃO DE NATAL EM SHOPPING, RUAS

Para alternar entre os tópicos, utilize os botões “Anterior” e “Próximo” abaixo:

1Natal: em defesa de Nosso Senhor Jesus Cristo

Na pequena cidade de Acquaviva delle Fonti, no sul da Itália. O presépio representa a Sagrada Família com imigrantes que se afogam em um mar de plástico.

O padre italiano Afredo Moerlli reagiu contra muitas “figuras progressistas e de esquerda” que compararam os eventos que cercam o nascimento de Cristo aos de imigrantes ilegais que entram na Europa hoje” dizendo que Ele era mais parecido com a perseguida cristã paquistanesa Asia Bibi”, tanto quanto os católicos chineses traídos e vendidos para o governo chinês.

Sobre presépios que apresentavam barcos de imigrantes chegando à Itália, o Padre Morselli disse: “Para o credo anticristão, a religião já não diz respeito a Jesus em si mesmo, como é, o Filho de Deus, desde os Evangelhos da sua infância. são agora considerados um mito e não podemos conhecer o Jesus histórico ”.

* * *

Também no Brasil tivemos “via sacra” e montagem de presépios associando os “sem terra” ou “sem teto” à perseguição que sofreu, por nossa Redenção, Nosso Senhor Jesus Cristo.

Fonte: https://www.breitbart.com/europe/2018/12/21/italian-priest-christ-persecuted-asia-bibi-not-migrant-looking-better-life/?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed%3A+breitbart+%28Breitbart+News%29

2ONU pede libertação de 59 colombianos, detidos há dois anos, na Venezuela

O Conselho de Direitos Humanos da ONU, através de seu Grupo de Trabalho sobre a Detenção Arbitrária, pediu ao governo da Venezuela para libertar imediatamente e indenizar 59 colombianos detidos há mais de dois anos na prisão de Yaguara, em Caracas”.

“O Ministério das Relações Exteriores da Colômbia afirmou em comunicado que o pedido da ONU, feito após uma solicitação do governo de Iván Duque, destaca que a prisão dessas 59 pessoas é arbitrária e que a Venezuela deve realizar a libertação imediata. Os colombianos foram detidos em diferentes operações de segurança realizadas em setembro de 2016”.

“Em outubro, o Escritório do Alto Comissário das Nações Unidas para os Refugiados expressou “profunda preocupação” pela situação e disse que as condições enfrentadas pelos presos na Venezuela eram “monstruosas””.

* * *

“Até agora, o governo da Colômbia já enviou mais de cem pedidos ao governo da Venezuela para que os cidadãos do país sejam libertados, além de visitas consulares regulares”, conclui a notícia da EFE.

Só não aplaudiram a atuação de nosso futuro governo não convidando Maduro para a posse de Bolsonaro a esquerda amargurada.

Quantos serão os presos políticos venezuelanos? Enigmático silêncio do Vaticano.

Fonte: https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/efe/2018/12/21/onu-pede-libertacao-imediata-de-59-colombianos-detidos-em-caracas.htm

3“Acordo provisório” China-Vaticano cria problemas de consciência

Roma (AsiaNews), 21/12, “Recebemos, e agora publicamos, esta “carta aberta” de um sacerdote da Igreja subterrânea chinesa (fiel a Roma) a quem damos o pseudônimo de Savio”.

“A Carta é um exemplo das dificuldades e problemas de consciência que muitos sacerdotes não oficiais (não reconhecido pelo PC chinês) estão vivendo neste momento”: “É possível pertencer tão levianamente à Associação Patriótica e sustentar uma Igreja “independente”?” (de Roma).

O Pe. Savio pede clareza por parte do Vaticano: “Vaticano, por favor nos diga, o que devemos fazer? Por obediência devemos fechar voluntariamente os olhos e não considerar a Carta de Bento XVI e não dar atenção à consciência, aceitando como nosso bispo o Presidente da Associação Patriótica?”

“Ainda deve considerar-se a Carta do Papa Bento (XVI) como uma instrução da Santa Sé? Nossa obediência deve ser de olhos fechados?”

“Sou um padre comum. (…) ante este contraste ou contradição entre Fé e obediência, entre consciência e obediência, por favor, nos diga: que devemos fazer?”

* * *

O quadro onde se move esse sacerdote zeloso da Fé é este: A China, oficialmente comunista, persecutória da religião católica que – através de acordo provisório com o Vaticano consegue legitimar comunistas como bispos católicos. Deve um padre católico, fiel a Roma, obedecer a este agente do PC chinês?

Fonte: http://www.asianews.it/noticias-es/Querido-Vaticano,-%C2%BFqu%C3%A9-debemos-hacer-con-la-Asociaci%C3%B3n-Patri%C3%B3tica-45802.html

4Lanfang, China, proibe ornamentação de Natal em shopping, ruas

Trabalhadores montam decorações de Natal em frente a uma loja da Louis Vuitton em Pequim, na sexta-feira. CreditCreditAndy Wong / Associated Press

NYT, 19/19, informa que as “autoridades de Langfang, cidade da província de Hebei, na China, proibiram todas as exposições de Natal nas ruas e nas lojas, segundo um comunicado de autoridades municipais”.

Prossegue a notícia: “as autoridades da cidade prometeram limpar todas as luzes de Natal e decorações de suas ruas, lojas e escolas. O aviso ordenou que os funcionários fizessem uma varredura de shoppings e ruas em 23, 24 e 25 de dezembro para garantir que não houvesse decorações de Natal”.

As normas são drásticas: “”O uso de parques e outros espaços abertos para espalhar a religião será gerenciado e controlado”, (…) “Se encontrado, monitore de perto e denuncie-os aos superiores”, o aviso emitido no sábado instruiu os cidadãos. Vendedores ambulantes que vendem árvores de Natal ou doces devem ser “limpos”.

* * *

China pretende exportar “modelos” para as nações em desenvolvimento e “aconselha” ao Brasil manter relações comerciais “sem viés ideológico”.

Importante lembrar que a Igreja Católica tem o mandato de Nosso Senhor: “ide e evagelizai todos os povos”.

Fonte: https://www.nytimes.com/2018/12/19/world/asia/china-christmas-display-ban.html

Deixe uma resposta