Segundo informa o Painel da Folha de São Paulo (26/12/2011), o anteprojeto de reforma do Código Penal pretende uma “abertura na legislação sobre o aborto, para ampliar o leque de situações em que a interrupção da gravidez é permitida”.

“Não teremos nenhum tabu. Vamos enfrentar todos os temas”, afirma o ministro do STJ, Gilson Dipp, presidente da comissão de juristas criada pelo senado para redigir o anteprojeto.

Atualmente, o artigo 128 do Código Penal considera como crime toda forma de aborto consentido, mas suspende a pena quando a gravidez é resultante de estupro, ou quando configura risco de vida para a mãe.

Já essa suspensão do cumprimento da pena é algo moralmente inaceitável. Acrescente-se que a mídia se aproveita disso para alimentar na sociedade a ideia de que é “aceitável” a prática de um crime contra o nascituro nessas condições. E os ativistas pró-aborto interpretam tendenciosamente essa concessão jurídica não como uma “não punição”, mas como um “direito” à prática daquilo que eles chamam de “aborto legal”.

Descriminalizar o aborto em alguns casos ou aumentar as hipóteses em que a pena do aborto não é aplicada favorecerá ainda mais o assassinato de inocentes.

16 COMENTÁRIOS

  1. ABORTO, NUNCA !!! Vamos lutar contra leis iníquas como esta ! Vamos falar, manifestar CONTRA legalização do crime de ABORTO. A q ponto chegamos, ter q dizer o óbvio…como é q pode você ter que dizer que o assassinato é ruím, é crime… Vem Senhor Jesus, vem nos salvar ! Que venha o triunfo do Coração imaculado de Maria SS., em nós !

  2. Aborto é o pior assassinato contra uma vida totalmente indefesa, pior ainda, é responsável pelo maior genocídio da História da humanidade, com mais de 1 bilhão de vítimas.

    Vejam a advertência do Nosso Senhor:

    “Depois Jesus pegou numa criança e colocou-a no meio deles. Abraçou a criança e disse:

    Quem receber em meu nome uma destas crianças, é a Mim que recebe. E quem Me receber, não Me recebe a Mim, mas Àquele que Me enviou…

    E se alguém escandalizar um destes pequeninos que acreditam, seria melhor que fosse lançado ao mar com uma pedra de moinho amarrada no pescoço.” São Marcos, 9, 36-37 e 42.

  3. Diz um velho lema que a justiça é cega. Creio que mais cego são os Srs. Ministros de Justiça que não vêem a Suprema Justiça de Deus. É por essa Infinita Justiça que eles serão julgados pelas injustiças que cometem, especialmente contra inocentes e idefesos! Deus nos livre da nova matança dos inocentes!

  4. VAMOS LUTAR ATÉ AS NOSSAS ÚLTIMAS FORÇAS E EVITAR QUE ESTES ESQUERDOPATAS NO PODER DESDE 2003, NÃO COMETAM ATRAVÉS DA LEI UM DOS MAIORES GENOCÍDIOS CONTRA NOSSAS CRIANÇAS INOCENTES E INDEFESAS. VAMOS AS RUAS DIZER NÃO AOS NOVOS HERODES DO SÉCULO XXI. CHEGOU A HORA DE REAGIRMOS A ALTURA CONTRA ESTE ASSASSINATO.

  5. Faço aqui uma pergunta para o excelentíssimo ministro e que vale para todo ser humano: Faz de conta que a criança que vai ser abortada fosse o senhor, ou o seu filho, ou seu neto, etc… é uma hipótese válida. E se DEUS em sua infinita misericórdia, fizesse com que o senhor, ou seu filho, ou seu neto, conseguissem falar do ventre de sua mãe, pois para DEUS nada é impossível, o que voces pediriam: a vida ou a morte? Deixo para que o senhor, seu filho, seu neto e todos que são a favor do aborto respondam, não para mim, mais para DEUS.Não esqueça ministro, se tens inteligência, primeiramente é porque DEUS permite, então não seja insano e a use para o seu bem e da humanidade.

  6. O diabo veio para roubar, matar e destruir e Jesus veio para dar vida e vida em abundância, sejamos temente a Deus e lutemos sempre em favor da vida.
    Estamos de olho…………….

  7. Será que depois que se torna ministro o homem esquece que é filho de DEUS?
    Concordo que o código deve ser mudado sim; mas para melhor, às pessoas de bem e não para os de índoles más!
    As penas para essas pessoas que praticam esse tipo de crime,tem que ser a máxima.
    Se uma barbaridade dessa for aprovada, podemos esquecer da justiça dos homens e só acreditar na de DEUS;que deverá punir a quem votar a favor de um absurdo desse…
    Chega de falar, porque isso me deixa indiguinado!
    É duro abrir o E-mail e ler uma notícia dessa…DEUS me livre.
    Esperamos em DEUS e fiquem com Ele.

  8. É o caso de perguntar ao Min. Dipp se o que pretende é não punir mais o assassinato, por exemplo. Cometido o homicídio o assassino vai para casa, sentença do juiz.

  9. “o anteprojeto de reforma do Código Penal pretende uma “abertura na legislação sobre o aborto, para ampliar o leque de situações em que a interrupção da gravidez é permitida””.

    “Não teremos nenhum tabu. Vamos enfrentar todos os temas”, afirma o ministro do STJ, Gilson Dipp”

    Ora ‘valente’, tabu???

    Meu Deus, o que será de nós, na mãos desse nível de gente ? Um ministro afirmar uma imbecilidade dessas …

    É preciso lutar contra as propostas loucas dessa gente ! ABORTO, JAMAIS !!!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome