A Revolução universal (*) — e a pandemia nos encaminha para um frisante exemplo disso — tem feito seus “avanços” à base de sofismas. Nunca poderá o mal declarar sua meta final. Por quê? Porque essa meta assusta e faz retrair o geral da população. O que é o “Novo Normal”, o “Great Reset”?

Exemplificando com a Revolução de 30

Exemplo entre nós, pouco conhecido e menos ainda comentado pelos livros de História, foi a Revolução de 30 cuja meta era implantar o socialismo no Brasil. Osvaldo Aranha o declarou “a S. Ema o Cardeal D. Sebastião Leme que os católicos, em 1933, intervieram nas eleições de forma tão salutar, que salvaram o Brasil do comunismo.” (1)

Por outro lado, o então Arcebispo de São Paulo, D. Duarte, afirmara publicamente que o comunismo vinha nas mochilas dos soldados da Revolução de 30.

Mais uma prova nos vem do insuspeito “Luiz Carlos Prestes (que) declarou ter passado pelas mãos de Getúlio Vargas e Oswaldo Aranha o dinheiro com que ele “trabalhou” no Brasil para preparar o levante de 35 (intentona comunista).” (2)

Revolução de 30 | Programa de Cinema | TV Brasil | CulturaAcrescentamos: um dos pretextos da Revolução de 30 foi a política do café com leite: a intermitência da Presidência da República entre Minas e São Paulo. Claro, havia outros, porém Osvaldo Aranha declarou que os revolucionários de 1930, que marcharam do Sul do País a fim de tomarem o Poder, almejavam implantar o socialismo no Brasil. Chegados ao Rio de Janeiro, viram as grandes manifestações religiosas em honra de Nossa Senhora e compreenderam que o seu plano não poderia efetuar-se em linha reta. (3)

Se tomarmos a Revolução Francesa veremos que os girondinos queriam apenas uma monarquia constitucional ou uma república coroada. Mas a Revolução tinha como meta o Terror — o que não podia ser “revelado”, por exemplo, na queda da Bastilha.

O “Novo Normal”, o “Great Reset”: um kit de segurança?

A recente tentativa de impulsionar o mundo rumo ao chamado “Novo Normal” tem recebido um amplo apoio da mida e de figuras internacionais como Bill Gates, George Soros, Príncipe de Gales e até do Estado do Vaticano.

Maria Aparecida Rhein Schirato, Doutora e Mestra USP declara: “O novo normal, na verdade, seria a proposta de um novo padrão que possa garantir nossa sobrevivência.”

“O que está sendo proposto, agora, é um kit Covid. Um kit de segurança. Vamos ter que andar com máscara, mais contidos, menos expansivos, como se estivéssemos no frio. Guardando certa distância, talvez com luvas e, de certa forma, nos primeiros dias, vamos achar tudo muito estranho, mas a garantia da segurança de que não vamos ficar doentes e não transmitiremos doenças fará com que assimilemos esse kit de uma forma indolor.”

 

“Normalidade” passa a ser apenas “segurança”

Continua a notícia: “Ou seja, entraremos em um novo padrão de normalidadeReforçando, normalidade é o padrão que me garante sobrevivência dentro de um grupo. Logo vamos nos habituar com esse kit Covid e, certamente, sentiremos falta se não o utilizarmos.” (4)

Reduzir a aspiração da humanidade apenas à segurança é quase afirmar que o homem é um ser irracional, como os animais. Estes, porque não dotados de inteligência, não têm alma racional e se guiam pela “segurança”.

Kit Covid é uma nova Lubianka, a forca de nossa vitalidade

Se o sentimento de segurança passar a ser o grande orientador do gênero humano, se ele se transformar em um ideal de vida, o chamado kit covid passará a ser uma imensa jaula psicológica. Estaremos todos presos numa nova Lubianka, uma nova Spandau.

Aceitará a Humanidade essa nova jaula? Está segura a Revolução de que a liberdade pode ser guilhotinada em aras da segurança?

Se o Brasil ficou de pé nessa pandemia foi unicamente por causa de seus filhos que lutaram, continuaram a produzir, desde a pequena economia de fundo de quintal ao agronegócio.

Escola de Sagres: mito ou realidade? - Toda MatériaSe D. Henrique, o navegador, tivesse esse mentalidade de segurança tipo “kit covid”, preconizado pelo ideólogos do “Novo Normal”, jamais teria fundado a Escola de Sagres … e o Brasil ainda estaria na jungle … talvez seja essa a meta final desses pretensos defensores do “Great Resetl”. Terão eles a coragem de o declarar?

Que ligação tem o “Novo Normal” com o Sínodo da Amazônia? Voltaremos ao tema.

(*) Baixe gratuitamente o livro Revolução e Contra Revolução  https://pliniocorreadeoliveira.info/RCR01.pdf

(1) https://www.pliniocorreadeoliveira.info/LEG%20370718_Umerrofunestoquen%C3%A3odeveserrepetido.htm

https://www.pliniocorreadeoliveira.info/LEG361220_Porqueestamossos.htm

(2) https://www.pliniocorreadeoliveira.info/LEG7%20370912_7dias.htm

(3) https://ipco.org.br/devolvam-o-meu-brasil-desafio-a-esta-geracao-iii/

(4) https://www.insper.edu.br/noticias/novo-normal-conceito/

Deixe uma resposta