Em Curitiba, 20 universitários se reuniram para retirar cartões e adesivos de pornografia que infestam os orelhões do centro da cidade, noticiou o site de notícias G1 PR (27/6/11).

O estudante Jessé Victor da Rocha, organizador da reação, disse que a ideia surgiu depois de um trabalho realizado em sala de aula sobre lições humanas, onde o foco principal era o de rever o mal social. “Um mal que todo mundo vê, mas não faz nada”, declarou Jessé.

Em reportagem da RPC TV são apresentados diversos exemplos da indignação da população referente a essas propagandas. Inclusive pelo motivo de que é freqüente que crianças recolham tais materiais e até mesmo efetuem ligações aos telefones indicados.

Os voluntários percorreram dois quilômetros para “limpar” os aparelhos telefônicos, tendo recolhido quilos de material pornográfico. O problema infelizmente não se encerrou, pouco depois de retirados, outros cartões foram postos nos mesmos locais.

O delegado do 1° distrito de Curitiba, Vinicius Martins, disse que ainda faltam leis mais severas contra os infratores, pois a legislação atual não é o suficiente para desestimular esse crime.

A população da cidade ficou muito grata aos voluntários que tiveram coragem de não se acomodar com a situação.

10 COMENTÁRIOS

  1. Resumindo, parabéns incontidos aos bravos estudantes curitibanos e que fique a lição:
    devemos AGIR! A-GIR!
    Sem isso, conversa fiada e perdição.

  2. Que Deus seja louvado na vida e pela vida destes jovens curitibanos que, com esta atitude se põem na vanguarda dos pricípios morais e cristãos, em contraposição ao que tem sido proposto até mesmo pelos meios de comunicação e institucionalizado pelos órgãos do governo (através de leis nefastas, como PLC 122), que tentam destruir os valores que norteiam a juventude, tão deturpada. Os cristãos não podem mais ficar calados, mas mirar o Cristo, anunciar o Evangelho e denunciar o que faz mal.

  3. O povo tem que se unir e mostrar publicamente, com o maior estardalhaço possível (caso o estardalhaço não seja grande o governo simplesmente ignora), toda sua indignação e simplesmente não aceitar a moral (ou falta de moral) que está sendo instalada em nossa nação, não por acaso, mas como programa do governo seguindo a cartilha de Gramsci. Felizmente alguns políticos ainda não se renderam a isso e devemos impulsioná-los para que não desistam nem se entreguem à tentação das benesses dos que apoiam o atual governo.
    Não deixem de ver está matéria
    http://aluizioamorim.blogspot.com/2011/07/senador-faz-revelacao-aterradora-do.html

  4. Parabéns a esses estudantes de Curitiba. São ações deste porte que nos dão esperanças de que nem todo está perdido. Curitiba já tem a minha admiração pela gestão , pela cidade maravilhosa que é , diferente de todo o resto do Brasil. Está na hora da “maioria silenciosa” começar a se manifestar , evitando , assim, que tudo o que não presta passe a vigorar… A maioria tem valores a preservar…e devemos cuidar do futoro de nossas crianças… Temos até um ex-Presidente falando a favor da maconha!!! O que devemos esperar mais… vamos silenciar diante de tudo isso??? Parabéns, estudantes de Curitiba, deixo aqui a minha admiração pelo que estão fazendo. Temos que ter ATITUDE…

  5. Meus cumprimentos mais efusivos aos jovens praticantes de ação tão meritória. O bem público tem necessidade de iniciativas semelhantes.

  6. Parabéns reforçados!!! Meus conterranos não deixam dúvida de que o Brasil compõe-se apenas do Estado de São Paulo rumo ao Sul! Aos que se ofenderem, peço que revejam os trermos: Liberdade e Libertinagem!

  7. Parabéns aos universitários corajosos, que esse trabalho seja apenas o começo de muitos que serão feitos em defesa dos bons costmes. As crianças, as famílias, agradecem!

  8. Parabéns aos universitários curitibanos pelo ato!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Acredito que a repetição perseverante desse ato irá aos poucos intimidar os vadios que colam tais imagens.

    Quem sabe até a queima pública desse material sirva de estímulo à população para denunciar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome