As graves acusações contra a China — em sua responsabilidade na pandemia do coronavírus — vão ganhando o Mundo Livre.

Seria facílimo a China provar sua inocência: abra os portões à especialistas e à imprensa

Os embaixadores chineses receberam ordem de rebater qualquer acusação contra a China: são “acusações infundadas”. O Embaixador Cui Tiankai (nos EUA) diz que pouca atenção está sendo dada aos cientistas (sic) enquanto os políticos estão preocupados com ‘acusações infundadas’.
O embaixador também defendeu o tratamento da doença por Pequim, que atraiu fogo do presidente dos EUA e outros.

Porque Xi Jinping não aceita a visita de especialistas ao laboratório em Wuhan? Por que não permite imprensa livre a entrevistar os chineses?

Enquanto isso não se der … a China estará no banco dos réus!

O secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, pediu recentemente a Pequim que deixe especialistas independentes visitarem o laboratório para realizar uma investigação no local.

Rejeição a Xi Jinping ultrapassa 70% nos EUA

“As observações do embaixador chinês Cui vieram quando uma nova pesquisa da Pew Research descobriu que dois terços do público dos EUA tinham visões desfavoráveis sobre a China – um novo aumento e aumento significativo dos 47% quando Trump assumiu o cargo em 2017. Quase três quartos dos americanos disseram não ter “nenhuma confiança” no presidente chinês Xi Jinping para “fazer a coisa certa em relação aos assuntos mundiais”. retórica anti-China, incluindo a repetida descrição de Trump da doença como o “vírus chinês””.

Na terça-feira, o procurador-geral do Estado do Missouri, um republicano, entrou com uma ação no tribunal federal contra o governo chinês, alegando que as autoridades chinesas eram “responsáveis pela enorme morte, sofrimento e perdas econômicas que infligiram ao mundo, incluindo missourianos”.

Fonte: https://www.scmp.com/news/china/diplomacy/article/3080943/coronavirus-chinese-envoy-cui-tiankai-takes-veiled-swipe

Deixe uma resposta