Estamos, positivamente, na fase da agonia da pandemia na Terra de Santa Cruz. Agonia devido à queda acentuada nos números de infecção, agonia na sujeição psicológica da população face à pressão midiática. E, por outro lado, constatmos um progresso real de curados.

Mais de 4.5 milhões no Brasil foram curados!

Não espere o leitor que a midia pró esquerda vá celebrar a vitória do Brasil contra o coronavírus. Infelizmente, nem podemos esperar o Te Deum dos nossos bispos, agradecendo a proteção divina.

4.526.975 curados. Sem contar o número bem maior de pessoas que se curaram, sem passar por hospitais e não constam das cifras oficiais.

A linha Verde (recuperados) vem continuamente vencendo a linha de infectados (laranja)

Nosso Site constatou, com pesar, que o 12 de outubro, festa de Nossa Senhora Aparecida, não constou oficialmente um pedido à Padroeira para fazer cessar a pandemia. (1)

O gráfico acima, publicado por https://www.worldometers.info/coronavirus/country/brazil/ mostra claramente a vitória de nossa equipe médica sobre o vírus chinês.

As curas, em todo o Orbe, se aproximam de 30 milhões

Leitor, por que razão a mídia na celebra as curas e continua pressionando psicologicamente os brasileiros infundindo o medo, o pânico, o isolamento social tão contrário a nossa índole afetiva, tudo isso sem demonstração científica?

A verdade é que há nessa pandemia razões … que a razão ainda não conhece!

Dr. Davi Nabarro, encarregado geral da OMS para a pandemia, reconhece o fracasso do lockdown e tenta limpar sua face aos olhos do mundo. Mais de 32.000 cientistas e médicos também mostram os erros do lockdown socialista.

É tempo de voltar ao bom senso e trabalhar pela grandeza do Brasil.

Deixe uma resposta