Neste exato momento, voluntários da Ação Jovem do IPCO estão percorrendo o Brasil em um esforço para barrar a imposição do aborto em nosso País.

Eles estão divulgando o “Catecismo contra o aborto”, escrito pelo Rev. Pe. David Francisquini e coletando assinaturas com o objetivo de aprovar uma emenda constitucional que proteja totalmente a vida dos nascituros.

Assine já também:

Petição por uma emenda constitucional que proteja totalmente o nascituro!

  

Pelo Direito de Nascer

Abaixo assinado contra a ampliação do aborto no Brasil

Senhores Congressistas,

— Tendo em vista as inúmeras tentativas de ampliar a já inaceitável prática do aborto no Brasil, através de decisões judiciais ou de projetos de lei em tramitação no Congresso Nacional;

— Tendo em vista que o aborto provocado — qualquer que seja o pretexto para perpetrá-lo — acarreta a morte cruel e injusta de um ser humano inocente, e por isso constitui grave violação da Lei de Deus;

— Tendo em vista que a prática do aborto é rejeitada pela imensa maioria de nossa população:

Nós, abaixo assinados, solicitamos que seja aprovada uma emenda constitucional que proteja eficazmente a vida dos entes humanos em fase de desenvolvimento no ventre materno.

A legislação atual não é satisfatória, porque reconhece que o aborto é um crime, mas não o pune em duas situações específicas. Pior ainda seria permitir, por via legislativa ou judiciária, a ampliação desse delito. Lamentavelmente, já há várias iniciativas para descriminalizar o aborto, por qualquer motivo, até os três meses de gestação. Há vozes ainda mais radicais, que defendem a completa liberalização do aborto até os nove meses de gestação!

Para evitar mais esse passo rumo ao aborto livre, exigimos que o direito à vida seja efetivamente protegido, sem que se permita a ampliação do aborto no Brasil.

Senhores Congressistas, nascer é um direito inalienável e precisa ser defendido em nossa Constituição de forma clara, para que o direito à vida não se torne puramente virtual e para que a proteção dos fracos e dos indefesos seja realmente uma das estrelas de nosso firmamento, no qual o Cruzeiro do Sul é símbolo eloquente da bênção do Cristo Redentor sobre nossa Pátria.

Não rejeitemos essa bênção com a ampliação da lei do aborto!

[your signature]

Assinar

Compartilhe com seus amigos!

   

Não corrompam nossas crianças através da “Ideologia de Gênero”

A Ação Jovem do IPCO está promovendo uma campanha nacional de abaixo-assinados que serão enviados para o Presidente Michel Temer pedindo a exclusão da satânica "Ideologia de Gênero" da Base Nacional Comum Curricular - BNCC.

Clique aqui e assine já!

 

3 COMENTÁRIOS

  1. Primeira vez a Casa Branca apoia a Marcha pela Vida.
    Washington. EUA, sexta-feira, 27 de janeiro de 2017 – Milhares de pessoas participam da Marcha pela Vida. A manifestação contra o aborto na capital americana é realizada anualmente desde 1973, quando a Suprema Corte americana legalizou o crime no país.

    Neste ano, a Marcha contou com o apoio da Casa Branca. O presidente recém-eleito (Donald Trump expressou seu apoio) nas redes sociais e, pela primeira vez, um vice-presidente, Mark Pence, discursou durante o evento.
    Fonte: https://fratresinunum.com/2017/01/29/foto-da-semana-312/

     
  2. Primeira vez a Casa Branca apoia a Marcha pela Vida.
    Washington. EUA, sexta-feira, 27 de janeiro de 2017 – Milhares de pessoas participam da Marcha pela Vida. A manifestação contra o aborto na capital americana é realizada anualmente desde 1973, quando a Suprema Corte americana legalizou o crime no país.

    Neste ano, a Marcha contou com o apoio da Casa Branca. O presidente recém-eleito (Donald Trump expressou seu apoio) nas redes sociais e, pela primeira vez, um vice-presidente, Mark Pence, discursou durante o evento.
    Fonte: https://fratresinunum.com/2017/01/29/foto-da-semana-312/

     
  3. Parabéns aos bravos lutadores pelos direitos de Deus.Que Nossa Senhora Aparecida os proteja e livre o Brasil da praga do aborto.Acompanhamos a Caravana com orações.

     

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome