Por que as esquerdas temem as urnas? Voto auditável, integridade eleitoral!

1

Nesse 1 de maio de 2021, as gigantescas manifestações populares de descontentamento com lockdowns, com medidas socialistas de governadores e prefeitos (parecem interventores plenipotenciários), com atitudes do Judiciário em favor da libertação de Lula, por exemplo, redundaram em um apoio maciço ao governo Bolsonaro. Valeu como um plebiscito.

Vote SIM: https://www12.senado.leg.br/ecidadania/visualizacaomateria?id=132598

Delenda est Carthago …

Já não se trata de repetir a frase do Senador Romano, Catão, “Delenda est Carthago” (Cartago deve ser destruída); “Cartago” (a esquerda antiBrasil) já foi destruída pelas gigantescas manifestações populares que perpassam o Brasil desde 2015. Chegou a hora de proteger o veredicto das Urnas.

Por mais que a Midia alinhada aos inimigos do Brasil tente esconder … as redes sociais ai estão para difundir o sucesso do Brasil autêntico e a derrota das esquerdas.

Foi-se o tempo em que tudo terminava em “pizza” nesse nosso Brasil. Essa terá sido uma das maiores vitórias do brasileiro sobre seus próprios defeitos: foi-se o tempo das falsas acomodações.

Com a graça de Deus, deixamos de lado as falsas acomodações e entramos na via da vocação do Brasil: “Bem-aventurado este povo varonil e forte, intrépido e corajoso, faminto e sedento das virtudes heróicas e totais, porque será saciado em seu apetite de santidade e grandeza sobrenatural.”, discursava o Prof. Plinio, no Anhangabaú (1942) perante meio de milhão de paulistas. https://www.pliniocorreadeoliveira.info/Disc_Congr_Eucar_42.htm#.YJVOObVKiMo

Voto auditável: integridade eleitoral

Por que as esquerdas temem tanto o voto auditável, temem a integridade eleitoral?

Direita e esquerda têm atitudes diametralmente opostas face à integridade eleitoral quer no Brasil, quer nos EUA. Aqui, nos batemos pelo voto auditável, pela segurança do eleitor. Nos EUA, a esquerda promoveu uma avalanche de votos por Correio, sabidamente um meio que aumenta a possibilidade de fraudes.

Mas a resultante cá e lá é a mesma: a esquerda teme a opinião pública e não quer transparência eleitoral.

Flórida protege votação, Integridade Eleitoral

A Flórida, através de seu Senado, acaba de proteger as eleições no Estado: apostando na Integridade Eleitoral. Os leitores se recordarão da controversa disputa de slogans nas eleições presidenciais gerada pela massiva votação por Correio: contar todos os votos X integridade na apuração.

Informa TheEpochTimes: “O Senado da Flórida, controlado pelos republicanos, em 29 de abril, aprovou um novo projeto de lei que impõe várias restrições ao voto por correspondência e às urnas.” https://ipco.org.br/florida-protege-votacao-garantir-a-integridade-eleitoral-americana/

Coerência na Democracia

“Democracia é a forma de governo em que a direção do Estado cabe ao povo. O pressuposto da democratização política é a igualdade de todos perante a lei.
A situação ideal da democracia é aquela em que a vontade popular é unânime acerca dos assuntos de interesse público. Mas tal situação só muito raras vezes se verifica na prática. E só acerca de questões determinadas. Quando ela ocorre, costuma ser efêmera.
Assim, na democracia se atribui a força decisória não à unanimidade dos cidadãos, mas à vontade da maioria deles.” https://pliniocorreadeoliveira.info/livros/1987%20-%20Projeto%20de%20Constitui%C3%A7ao.pdf

O leitor já notou que Democracia, na linguagem das esquerdas, é tudo que favorece à Revolução igualitária. Já não é a vontade popular.


***

Quererão nossos políticos ouvir o clamor das ruas? Ou por outro laldo, as ruas aplaudem nossos políticos? Quais?

Nosso público deseja a integridade eleitoral, a confiabilidade do processo eleitoral, as urnas auditáveis. Ou será que a esquerda teme o voto auditável?

As manobras da esquerda para se perpetuar no Poder, em tantos países de nosso Continente, fazem lembrar o PCCh que ditatorialmente escolheu Xi Jinping presidente vitalício da China. Confere.

Também Fidel Castro dizia que Cuba não precisava de eleições …

***

Salvemos o Brasil, lutemos pela integridade eleitoral, pelo voto auditável. Afinal, a autenticidade da Democracia só teria a lucrar.

Vote Sim, aqui: https://www12.senado.leg.br/ecidadania/visualizacaomateria?id=132598

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta